BBB 21: estreia supera as edições de 2019 e 2020 em audiência

Nova edição do programa foi ao ar pela primeira vez na segunda-feira (25)

Escrito por Folhapress,

Zoeira
Legenda: Já na estreia, prova de resistência movimentou as redes sociais durante a madrugada
Foto: reprodução/TV Globo

A estreia do BBB 21 rendeu boa audiência para a Globo tanto no cenário paulista quanto no carioca. Segundo a emissora, nas duas cidades houve um aumento na média da faixa de horário com relação às quatro últimas segundas-feiras.

Segundo os dados, São Paulo obteve 27 pontos de audiência e 49% de participação (participação de um programa no universo de aparelhos ligados), um aumento de 17% que equivale a quatro pontos a mais de ibope na comparação citada. Já no Rio de Janeiro, foram 31 pontos de audiência e 52% de participação, um crescimento que se define por oito pontos a mais de audiência.

A título de comparação, os índices de 2021 são melhores dos índices do BBB 20 e BBB 19. Segundo dados oficiais, o programa marcou 25 pontos de audiência em sua primeira exibição em 2020. Foram três pontos a mais do que a estreia do BBB 19 um ano antes.

No primeiro programa da nova edição do BBB, os 14 participantes que estão na casa principal tiveram de mostrar qualidade para ganhar a primeira imunidade do jogo.

Na prova, cada dupla tinha de permanecer numa base até uma campainha tocar. Eles tinham de pegar um produto com uma cor específica antes de o tempo acabar. Seria eliminado quem descesse da base fora da hora ou entregasse o produto errado. A última dupla que restasse ganharia a imunidade. Nego Di e Lucas foram os campeões.

Já os participantes Lumena, Juliette e Arthur, do grupo Pipoca, e Fiuk, Projota e Viih, do grupo Camarote, começaram o jogo do BBB 21 em casas separadas dos outros 14 jogadores. Eles terão de colocar alguém no Paredão.

Assuntos Relacionados