'Incompatível com a verdade', alega defesa dos filhos de Gugu sobre nova prova apresentada

A defesa de Rose Miriam apresentou declaração de 2016 assinada por Gugu em que ele afirma ter "uma companheira de muitos anos"

Legenda: Filhos e sobrinhos de Gugu contestam novo documento apresentado
Foto: Reprodução / Instagram

Após a defesa de Rose Miriam apresentar novo documento que pode atestar a União Estável com Gugu, os advogados dos filhos do casal contestam que "as alegações não passam de fanfarronices que visam, exclusivamente, induzir a erro a opinião pública que desconhece o processo". "Especulações são incompatíveis com a verdade", acrescentam. 

Além disso, a defesa da família de Gugu afirma que o documento é velho. "Eventuais interpretações ou traduções distorcidas da realidade, trazidas pelo advogado da parte contrária, não se prestam a dar credibilidade à tese de União Estável". 

Desde a morte do apresentador, em novembro de 2019, há um imbróglio na Justiça por conta do testamento deixado por Gugu, já que a fortuna foi dividida em 75% para os três filhos e o restante para os cincos sobrinhos. Rose Miriam, que não foi citada no documento, luta para reconhecimento de União Estável.

A nova prova apresentada pela defesa de Rose é uma declaração, em inglês, redigida e assinada por Gugu em 2016 para obtenção do Green Card para a mulher e os três filhos. Nela, o apresentador afirma: "tenho uma companheira de muitos anos, Rose Mirian Souza Di Matteo, que é mãe de nossos três filhos: João, Marina e Sofia".

Em entrevista ao Fantástico desse domingo (28), o advogado Nelson Willians, que representa Rose, afirmou que "talvez seja esta o Santo Graal das provas. Ele declara neste documento, sob pena de cometer perjúrio, ou seja, de estar mentindo ante a Justiça amerciana, que Rose Miriam é sua companheira de longos anos, para a criação dos próprios filhos também". 

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?