Estudantes do ensino fundamental enviam cartas afetivas para profissionais que combatem a Covid-19

Ação acalentou e animou os corações dos profissionais da saúde do Hospital Leonardo da Vinci que têm se dedicado com afinco nesta pandemia

Helv
Legenda: As palavras levaram carinho aos profissionais da saúde do Hospital.
Foto: Débora Morais

Em uma pandemia, o cotidiano dos profissionais da saúde tem estado, muitas vezes, envolto de muito trabalho e dedicação. Pensando nisso, os estudantes do ensino fundamental de uma escola particular de Fortaleza enviaram vídeos e cartas afetivas ao Hospital Estadual Leonardo da Vinci (Helv), a fim de agradecer as ações que esses profissionais têm realizado contra a Covid-19 no último ano.

O Helv é vinculado à Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) e administrado pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH). Segundo a assessoria da Sesa, a professora Regiane Batista Lima, 42 anos, detalha que as crianças do 2º ano do ensino básico ficaram muito felizes ao notar que ocasionaram aconchego aos profissionais neste momento, frequentemente, árduo que eles estão enfrentando.

Eles imaginaram que não teriam retorno do hospital, mas, quando viram que causou a diferença e que fez bem, ficaram maravilhados"
Regiane Batista Lima
Professora

A professora ainda acrescentou: "Estamos ensinando a eles a serem gratos e proporcionar esse bem-estar pro outro, principalmente em um período difícil como esse. Nós rompemos a nossa barreira de sala de aula”, explica a docente.

carta
Legenda: As crianças agradeceram aos profissionais pela atuação na pandemia.
Foto: Débora Morais

Já para a diretora de Gestão e Atendimento da unidade, Rafaela Neres, o reconhecimento para aqueles que estão se colocando em risco e arriscando a própria vida, no intuito de salvar outras, culminou num feito encantador.

Estamos enfrentando dias difíceis, como todos sabem. Estamos fazendo a nossa parte, com muita fé de que isso tudo vai passar logo. Obrigada a todas as crianças que dedicaram seu tempo escrevendo essas cartinhas"
Rafaela Neres
Diretora de Gestão e Atendimento

Os depoimentos dos estudantes fazem parte do projeto “Gratidão”, que visa discutir sobre qualidade de vida e bem-estar. De acordo com a coordenadora do Serviço Social do Helv - área responsável pelo primeiro atendimento aos familiares de pacientes internados -, Tarcília Silveira, o presente foi um amparo.

“Quero agradecer pelo carinho desse aluno que escreveu palavras lindas, a gente amou de coração. O nosso trabalho de atendimento e acolhimento aos familiares é bem delicado e uma palavra dessas nos conforta, você receber todo esse carinho não tem preço”, conta.

Quero receber conteúdos exclusivos do Dias Melhores