Aos 87 anos, Nicette Bruno está sedada na UTI e tem quadro considerado grave

A atriz está sendo tratada de uma pneumonia causada pela Covid-19.

nicette
Legenda: Na última semana, uma notícia falsa sobre a morte da atriz chegou a circular na internet, o que foi desmentido por seus filhos

Nicette Bruno, 87, continua internada na UTI da Casa de Saúde São José, no Rio. De acordo com boletim médico divulgado pela instituição nesta quarta-feira (2), o quadro dela é considerado grave.

A atriz está sendo tratada de uma pneumonia causada pela Covid-19. "Ela está sedada, intubada e respirando através de um ventilador mecânico", dizem os médicos. "Ela segue sob cuidados intensivos e acompanhada por equipe médica assistente, além de equipe multidisciplinar do hospital."

Na terça-feira (1º), a filha dela e também atriz Beth Goulart, 59, afirmou que Nicette havia apresentado uma leve piora no estado de saúde. A veterana de dramaturgia recebeu diagnóstico positivo para Covid-19 e está internada em um hospital particular no Rio desde domingo (29).

Por meio de um vídeo publicado em seu Instagram, Goulart pediu que amigos, familiares e fãs façam uma corrente de oração para a recuperação da mãe. Esperançosa e com sorriso no gosto, a atriz ainda diz que sua mãe não está sentindo dor.

Nos comentários, colegas de televisão expressaram apoio através de mensagens e comentários no perfil de Goulart. O ator Ary Fontoura afirmou: "Ela vai superar minha querida". Uma lista extensa de artistas também comentaram, entre elas; Leona Cavalli, Leda Negla e Duda Negla, Paloma Bernardi, Kika Kalache

Nany People, Viviane Araujo, Carla Diaz, Juliana Paiva, Dudu Azevedo, entre outros.
Nicette é filha da atriz Eleonor Bruno e começou na carreira artística muito cedo, sendo contratada aos 14 anos como profissional de teatro pela Companhia Dulcina-Odilon. Sua estreia oficial nos palcos aconteceu em 1947 na peça "A Filha de Iório".

A atuação da atriz na TV é repleta de personagens marcantes, como a Dona Benta, do "Sítio do Pica-Pau Amarelo", a Juju, de "Sete Pecados e a Ester de "Órfãos da Terra". Seu último trabalho na telinha foi em "Éramos Seis", como Madre Joana, uma participação em homenagem a ela, que protagonizou a trama na versão que foi ao ar 1977 pela extinta Tupi.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?

Assuntos Relacionados