Expulso do BBB 19, Vanderson se pronuncia sobre acusações nas redes sociais

O Biólogo recebeu acusações de assédio, estupro e importunação ofensiva ao pudor

Desclassificado do BBB 19 na quarta-feira (23), o biólogo e coordenador educacional Vanderson Brito falou, em postagens no Instagram Stories, sobre as acusações de assédio e estupro, feitas após entrada no programa. Ele foi intimado a depor pela delegada Rita Salim, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher de Jacarepaguá (DEAM), no Rio de Janeiro.

Durante os vídeos, Vanderson procurou se defender do caso. "Pessoal, queria muito agradecer todo mundo que estava comigo, tentou me ouvir. Sei que rolaram umas histórias estranhas, mas isso é bobagem, né. Cada um fala o que quer. Só existe uma verdade na vida. As verdades surgirão. Não vim aqui pra fora pra nada além de dizer a verdade", afirmou.

"Agora é momento de mostrar verdades, mostrar o que está acontecendo, mesmo, e seguir. A nossa vida é maior do que mentiras. Mentira não passa, não. Mentira não passa de jeito nenhum", finalizou Vanderson. 

Expulso

Até então confinado na casa do reality show, a eliminação ocorreu após a presença na delegada no local, com o intuito de levá-lo à delegacia para prestar o depoimento. A primeira acusação partiu de Maíra Menezes, de 27 anos, que o namorou dos 18 aos 19 anos. Em entrevista, ela relatou que, na época, não tinha consciência do caráter abusivo do relacionamento na época. Além dela, outras três mulheres também compareceram à  Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher Vítima de Violência em Rio Branco (AC) para registrar boletins de ocorrência.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?