INSS vai pagar R$ 1,26 bilhão em atrasados para aposentados e pensionistas; saiba como consultar

Valores vão quitar dívidas previdenciárias e assistenciais, como revisões de aposentadorias, auxílios-doença, pensões e outros benefícios

Escrito por Redação,

Negócios
Legenda: Para o aposentado ou pensionista saber se está no lote de atrasados, é preciso acessar a página do TRF de sua própria região (no caso do Ceará, o TRF-5)
Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vai pagar R$ 1,26 bilhão em atrasados a aposentados e pensionistas de todo o Brasil. O dinheiro corresponde a 63.522 processos cujas ações foram julgadas e não cabem mais recursos.

Os valores vão quitar dívidas previdenciárias e assistenciais, como revisões de aposentadorias, auxílios-doença, pensões e outros benefícios.

O pagamento desses atrasados ocorre via Requisições de Pequeno Valor (RPVs), que são ordens de pagamento limitadas a 60 salários mínimos (R$ 72.720). O dinheiro é depositado em contas abertas pelo próprio Tribunal no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal em nome do ganhador da ação.

Como consultar

Para o aposentado ou pensionista saber se está no lote de atrasados, é preciso acessar a página do TRF de sua própria região (no caso do Ceará, o TRF-5). Na página, deve procurar o campo que diz respeito aos RPVs ou precatórios.