Influenciadora Ygona Moura morre devido à Covid-19

Ela estava internada havia dez dias em uma UTI em São Paulo. Ygona passou a ser conhecida ao minimizar efeitos da pandemia de Covid-19

Legenda: A confirmação do óbito foi dada via perfil dela no Instagram.
Foto: reprodução/Instagram

A influenciadora digital Ygona Moura morreu, nesta quarta-feira (27), por complicações da Covid-19. Ela estava internada em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em São Paulo havia dez dias, de acordo com informações do portal UOL. A confirmação do óbito foi dada via perfil dela no Instagram — "Pessoal, perdemos a Ygona", dizia a postagem. 

Mais cedo, familiares da influenciadora usaram a rede social para divulgar detalhes do quadro de saúde de Ygona. "Ygona ainda está intubada e em coma. O quadro se mantém estável e sem nenhuma previsão. Continuamos firmes na fé", relataram.

Negacionismo da Covid-19

A influenciadora passou a ser conhecida ao minimizar os efeitos da pandemia do novo coronavírus. Ela chegou a postar vídeos com aglomerações. "Gente, que noite foi essa? Noite de aglomeração com sucesso", disse em um dos registros. "Aglomerei mesmo e recebi bem para isso", sentenciou na ocasião.

Hoje, estou aqui pela Tiradentes, estou caçando um baile, quero aglomerar de novo, estava morrendo de saudade de aglomerar", disse ela, à época, dias antes de ser internada.

Contágio pelo novo coronavírus

Um registro de Ygona desfalecida sobre uma maca foi publicado no perfil dela no dia 16 de janeiro. Na foto, havia uma marcação da música "Indestrutível", da cantora Pabllo Vittar, e um pedido: "Gente, quem gosta da Ygona peço que orem por ela. Hoje teve uma crise muito forte e nesse está desacordada".

As respostas à postagem traziam deboche e desaprovação. Alguns satirizaram com a frase "Partiu aglomerar" em referência a manifestações da influencer em outros episódios. Outros desejaram melhoras, mas relembrando ações de Ygona. "Na hora de debochar do Covid-19 e das medidas profiláticas cê fez né? Desejo que você melhore sim e que aprenda essa lição", disse uma usuária da rede.

Na publicação mais recente feita em ambiente hospitalar, datada de 17 de janeiro, ela se mostrou otimista: "Vai dar tudo certo", comentou. Vários usuários seguiram com risadas e comentários irônicos. "Partiu aglomerar no IML?", questionou outra usuária.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?