Novo decreto: academias deverão fechar às 19h de segunda a sexta, determina Camilo Santana

Governador reduziu em 30% a capacidade de atendimento presencial nas academias

Mulher correndo na esteira em uma academia
Legenda: Setor e secretarias da saúde do Estado e do Município estão avaliando protocolos a serem adotados
Foto: Shutterstock

Devido ao aumento de casos confirmados de Covid-19 no Ceará, o governador Camilo Santana anunciou nesta sexta-feira (26) que academias do Estado terão redução na capacidade de atendimento presencial e no horário de funcionamento. De segunda a sexta, os locais deverão fechar às 19h e aos fins de semana, às 17h e só poderão receber 30% dos alunos.

Também nesta sexta-feira (26), o chefe do Executivo estadual ampliou o "toque de recolher" e reduziu novamente o horário de funcionamento de outras atividades econômicas consideradas não essenciais.

A circulação de pessoas, que antes era proibida a partir das 22 horas, passa a ser às 20h. Já as empresas deverão fechar às 19h. As restrições valem a partir deste sábado (27) até o próximo dia 7 de março.

Igrejas

Segundo o governador, as igrejas também terão horário de funcionamento e capacidade de fiéis assistindo aos eventos de forma presencial reduzidos.

Agora, de segunda a sexta, os eventos religiosos poderão acontecer até 19h. Já aos fins de semana, até 17h. Os locais deverão operar com até 30% da capacidade, para estimular as celebrações de forma virtual.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios