Will Smith bate em Chris Rock durante o Oscar após piada com Jada Pinkett-Smith

O humorista fez piada com o cabelo da esposa de Will, que sofre de alopecia e ficou careca

Escrito por Redação,

Zoeira
Will Smith e Chris Rock
Legenda: Momento tenso ocorreu ao vivo
Foto: Robyn Beck/AFP

O ator Will Smith deu um tapa na cara do também ator e comediante Chris Rock após ele fazer uma piada com o cabelo da esposa do ator, Jada Pinkett-Smith. Rock disse que estava ansioso para vê-la em G.I Jane 2 - uma referência a um filme onde a protagonista era careca.

ASSISTA:

O ator se levantou da cadeira e foi até o palco e agrediu o comediante: "Você não fale da minha mulher", gritou Will da plateia, após a agressão.

Jada sofre de uma doença chamada alopecia, e, por isso, perdeu seu cabelo.

O clima na premiação ficou tenso, e Will foi aconselhado por Denzel Washington. Mais tarde, o Smith ganhou o premio de Melhor Ator e ficou emocionado. Ele pediu desculpas ao evento.

Grande vencedor

Após o incidente, Will Smith, de 53 anos, voltou ao palco. Mas dessa vez foi para receber seu primeiro Oscar. Ele recebeu o prêmio de Melhor Ator por King Richard: Criando Campeãs

Em seu discurso, o ator disse que sua atitude foi por amor à família e às mulheres, e fez referência a Richard Williams, pai de Venus e Serena Williams, a quem Will interpreta no filme.

"Richard Williams era defensor da sua família. Neste momento da minha vida, eu sou tomado pelo que Deus me pede para ser e fazer deste mundo. Ao fazer esse filme, eu pude proteger uma das pessoas mais fortes e delicadas que já pude conhecer. Eu pude proteger as duas atrizes que fizeram os papéis de Venus e Serena Williams. Na minha vida, neste momento, estão pedindo para que eu ame e proteja as pessoas. Para ser um rio para o meu povo,  para as minhas pessoas", começou ele.

Will também se desculpou com a Academia e com os demais artistas por sua atitude contra Chris Rock. Além disso, o ator agradeceu à família Williams pela chance de interpretar o patriarca no cinema.