Saiba onde encontrar atendimento psicológico gratuito em Fortaleza

Maioria dos serviços ofertados na Capital pode ser acessada pela Internet

Legenda: Junto a universidades, Secretarias da Saúde municipal e estadual concentram maior parte dos atendimentos psicológicos na Capital
Foto: Helene Santos

Além de provocar uma crise sanitária com repercussões sociais, econômicas, políticas e tantas outras, das mais variadas ordens, a pandemia de Covid-19 também ampliou os casos de sofrimento psíquico, gerando novos problemas de saúde mental e/ou agravando transtornos já preexistentes.  

Conforme o Diário do Nordeste publicou em abril deste ano, 53% dos cearenses afirmaram ter tido algum sintoma relacionado à saúde mental na pandemia, como ansiedade, medo e pânico. Foi o que apontou pesquisa encomendada pelo Sistema Verdes Mares, e realizada entre os dias 27 e 30 de março pelo Instituto Opnus.  

O coordenador de Políticas de Saúde Mental, Álcool e outras Drogas da Secretaria da Saúde do Ceará (Copom/Sesa), Davi Queiroz, frisa que “não tem saúde [física] sem saúde mental”. Por isso, entende que “os cuidados de saúde mental precisam ser bem amplos e estar bem próximos das pessoas”. 

Para auxiliar quem tem pressa e não possui condições financeiras para pagar um tratamento psicológico, o Diário do Nordeste preparou uma lista de onde encontrar atendimento gratuito em Fortaleza. Confira, a seguir: 

Plantão Psicológico - ProVida (Sesa) 

Por meio da plataforma digital Plantão Coronavírus, a Secretaria Executiva de Políticas de Saúde da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) implementou o ProVida, Plantão Psicológico online como suporte ao agravamento das demandas em saúde mental no cenário de pandemia. O atendimento é realizado por psicólogos habilitados e capacitados em Primeiros Socorros Psicológicos. 

O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e pode ser acessado pelos seguintes canais: WhatsApp (85) 8439-0647, Telegram (@plantaocoronavirus), hotsite Coronavirus Ceará, chat pelos sites do Governo do Estado e da Sesa, além do Ceará App, disponível nas plataformas Android e iOS.

“Você vai conversar primeiro com um robô, com um chatbot, ele vai fazer uma triagem dos teus sintomas, ele vai te perguntar algumas coisas pra fazer uma estratificação de risco e, dependendo dessa estratificação de risco, o mais breve você vai ser atendido", detalha Davi Queiroz, pontuando que, na sequência, o paciente é encaminhado para atendimento com um profissional.  

“A pessoa vai ter até três atendimentos nesse modelo com o mesmo psicólogo, que é o tempo que a gente entende que a pessoa vai ser engajada em algum dispositivo da rede, que fique próximo à casa dessa pessoa”, acrescenta o psiquiatra. Cada uma dessas três sessões tem duração de 50 minutos, podendo ser realizada via chat ou videoconferência. 

Confira o passo a passo para o atendimento: 

  1. Acesse Plantão Coronavírus; 
  2. Sou Paciente; 
  3. Atendimento de Saúde Mental; 
  4. Atendimento com Psicólogo. 

Legenda: O hotsite Coronavírus Ceará é uma das opções para acessar o Plantão Coronavírus
Foto: Reprodução

CAPS 

Fortaleza dispõe de 15 Centros de Atenção Psicossocial que prestam serviços na área da saúde mental. Destes, seis são CAPS Gerais, que atendem pessoas que apresentam sofrimentos psíquicos ou transtornos mentais severos e persistentes.

Há também outros sete CAPS Álcool e Drogas (CAPS AD), específicos para usuários que enfrentam dependência de substâncias psicoativas. Por fim, a Capital ainda conta com mais dois Caps especializados na população infantil (Capsi), com atendimento em casos de sofrimento psíquico ou dependência química. 

O serviço é porta aberta, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O usuário pode procurar diretamente uma das unidades ou ser encaminhado pelo posto de saúde, após avaliação médica.

De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), primeiro, é feita uma avaliação inicial nos CAPS e, a depender da necessidade do usuário, ocorre o encaminhamento aos serviços de cada unidade, que podem envolver: clínica médica e psiquiátrica, assistência farmacêutica, enfermagem, psicoterapia, terapia ocupacional, massoterapia, fonoaudiologia e nutrição. 

Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM) - Messejana 

O Hospital Saúde Mental de Messejana realiza plantão com uma equipe de psiquiatras para o atendimento de casos mais graves de transtornos mentais.

No plantão presencial, o paciente passa por uma triagem com um psiquiatra. Se houver necessidade, ele fica internado ou é encaminhado para os CAPS ou para tratamento ambulatorial. 

O atendimento ocorre durante 24 horas e todos os dias. Informações para atendimento emergencial nos telefones 3101-4348/ 3101-4340. O hospital fica localizado na Rua Vicente Nobre Macêdo, S/N - Messejana.

Plantão Psicológico - UFC 

Por iniciativa do Laboratório de Estudos em Psicoterapia, Fenomenologia e Sociedade (LAPFES), a Universidade Federal do Ceará oferta, de forma on-line, plantão psicológico gratuito. O serviço funciona às terças (de 14h às 19h) e sextas-feiras (entre 08h e 12h; e entre 14h e 19h).

Para solicitar vaga, é necessário preencher um formulário eletrônico no mesmo dia em que se busca receber o atendimento.

Às terças, o formulário para inscrições é aberto às 10h. Já nas sextas, é aberto às 7h, com atendimentos pela manhã; e às 10h, com atendimentos à tarde.  A marcação prossegue até o preenchimento do número de vagas para a data.

Legenda: Transtornos de ansiedade, pânico e medo se tornaram mais comuns após a pandemia
Foto: Shutterstock

Serviço de Psicologia Aplicada - Uece

O curso de Psicologia da Universidade Estadual do Ceará (Uece) disponibiliza à população o chamado Serviço de Psicologia Aplicada.

O atendimento psicológico é gratuito e voltado para pessoas a partir de 13 anos, sem condições financeiras para arcar com atendimento privado. Porém, a quantidade de vagas ofertadas para atendimento é limitada a 200 e ocorre semestralmente.

Conforme a Uece, a última turma foi aberta no dia 15 de julho e ainda não há previsão de quando serão abertas novas inscrições. Como as vagas de atendimento são preenchidas rapidamente, interessados podem buscar atualizações no site da universidade e no perfil do Serviço de Psicologia Aplicada (@spa_uece) no Instagram.

Antes da pandemia, a inscrição para acessar o serviço era presencial, na coordenação do curso de Psicologia da Uece. Porém, neste semestre, as inscrições foram realizadas com o preenchimento de formulários online. 

Nami – Unifor 

O Núcleo de Atenção Médica Integrada (Nami), da Universidade de Fortaleza, oferece atendimento psicológico gratuito por meio do Serviço de Psicologia Aplicada (SPA).

Conforme a instituição, o atendimento é direcionado a pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS), com abertura de exceção apenas para casos mais graves. Durante o processo de regulação nas unidades de saúde, o paciente também pode sinalizar que quer ser atendido no Nami. 

Lá, o atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 11h 30 e das 13h às 20h; e aos sábados, de 7h às 11h. Mais informações nos telefones (85) 3477-3643, 3477-3644 e (85) 9.9210-2924 ou pelo e-mail: namispa@unifor.br 

Instituto Bia Dote 

Organização não governamental e sem fins lucrativos que trabalha com a prevenção do suicídio, o Instituto Bia Dote oferece atendimento psicológico gratuito em Fortaleza para pessoas a partir de 12 anos. Interessados devem entrar em contato com a instituição pelo WhatsApp (85) 9 9842-0403. 

Após o contato, é realizado um cadastro e o paciente entra em uma fila de espera. Em seguida, participa de uma triagem, a partir da qual pode ser chamado a fazer psicoterapia uma vez por semana, presencialmente, na instituição. 

MISMEC 4 Varas

Entidade civil sem fins lucrativos, de caráter filantrópico e base comunitária, o
Movimento Integrado de Saúde Mental Comunitária (MISMEC-CE) - ou Projeto 4 Varas - oferta atendimento psicológico gratuito de segunda a sexta-feira, de 8h às 16h30, por ordem de chegada.

O atendimento é voltado ao público geral a partir de 7 anos, mediante encaminhamento de alguma Unidade Básica de Saúde da Capital. Não há agendamento.

A entidade realiza diversas atividades de resgate à autoestima, redução de estresse e terapia comunitária. Reiki, ventosaterapia, massoterapia fazem parte da programação semanal do projeto.  

Mais informações no telefone 9 8614-2873. O endereço do MISMEC 4 Varas é o: Rua José Roberto Sáles, nº 44, Barra do Ceará.

Legenda: O CVV oferece atendimento via chat, todos os dias da semana
Foto: Reprodução

Centro de Valorização da Vida

O Centro de Valorização da Vida (CVV) realiza apoio emocional e prevenção do suicídio. Atende voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo pelo telefone 188, por e-mail e chat todos os dias.

O atendimento via e-mail é precedido de uma mensagem no site do CVV. Após o primeiro contato do interessado, um voluntário responde à mensagem pelo correio eletrônico.

Veja os horários disponíveis para se comunicar via chat:

  • Domingos - das 17h a 01h;
  • Segundas-feiras - das 9h a 01h;
  • Terças-feiras - das 9h a 01h;
  • Quartas-feiras - das 9h a 01h;
  • Quintas-feiras - das 09h a 01h;
  • Sextas-feiras - das 15h a 00h;
  • Sábados - das 14h a 01h.
Quero receber conteúdos exclusivos do Dias Melhores

Assuntos Relacionados