'Vamos continuar fomentando o desenvolvimento do Nordeste', diz novo presidente interino do BNB

Anderson Possa tomou posse nesta quinta (30) do cargo, após decisão do Conselho de Administração do banco

Escrito por Lívia Carvalho e Carolina Mesquita, negocios@svm.com.br

Negócios
Legenda: Novo presidente interino deve prosseguir trabalhos a frente do banco
Foto: Fernando Cavalcante

Após decisão do Conselho de Administração do Banco do Nordeste (BNB), o novo presidente interino, Anderson Possa, tomou posse nesta quinta-feira (30). Em entrevista ao Diário do Nordeste, o presidente falou sobre as expectativas em relação ao cargo, bem como os rumos dos trabalhos.  

“Nós vamos continuar cumprindo com a aplicação do orçamento do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), para continuar ajudando e fomentando o desenvolvimento do Nordeste, por meio dos nossos produtos e serviços. Esse trabalho já tem sido muito bem feito e nós vamos dar continuidade a ele”.  
Anderson Possa
presidente interino do BNB

Assumindo o cargo de forma interina, o presidente não deu detalhes se deve assumir de forma permanente, mas afirmou estar “à disposição do governo para ajudar no que for necessário aqui no Banco do Nordeste”. 

O Conselho também deliberou pela seguinte composição da diretoria executiva do BNB: Anderson Possa, Bruno Ricardo Pena de Sousa, Cornélio Farias Pimentel, Hailton José Fortes, Haroldo Maia Júnior e Thiago Nogueira. 

Expectativas e prioridades 

Para Possa, a transição é natural entre a gestão passada e atual. Por isso, neste primeiro momento, a expectativa é de que seja dada atenção aos processos prioritários já em andamento.

“Temos vários processos tanto em relação aos nossos produtos quanto aos serviços, o banco é muito dinâmico. Vamos trabalhar para que o banco cumpra seu papel”.  

Apesar das polêmicas dos últimos dias relacionadas à composição da diretoria, o presidente destaca haver um clima de concórdia e expectativa dos colegas. “Queremos que volte à normalidade, esclarecendo cada ponto, pois o banco trabalha nos princípios de governança mais claros à administração pública”.  

Legenda: Presidente tomou posse nesta quinta-feira (30)
Foto: Fernando Cavalcante

Quem é Anderson Possa 

Anderson Aorivan da Cunha Possa é funcionário de carreira da Caixa Econômica Federal e bacharel em Direito com pós-graduação em Processo Civil. Atua há 19 anos na Caixa e já exerceu as funções de superintendente nacional, superintendente executivo, gerente regional e gerente geral. 

No Banco do Nordeste, Possa exercia a função de Diretor de Negócios, responsável pela Rede de Agências, Negócios Empresariais, Micro e Pequenas Empresas, Produtores Rurais, Governo, Crediamigo e Agroamigo.  

Entenda as polêmicas  

O assunto veio à tona nesta semana após o presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto (PL-SP), publicar um vídeo pedindo a destituição do então presidente Romildo Rolim e de toda a diretoria do BNB.  

O motivo, de acordo com ele, seria um contrato de R$ 600 milhões da instituição financeira com uma ONG. Trata-se do Inec (Instituto Nordeste Cidadania), entidade parceira do BNB na operacionalização do Crediamigo e Agroamigo.  

O desagrado seria porque a ONG, parceira do banco desde 2003, tem no comando pessoas vinculadas ao Partido dos Trabalhadores (PT). 

A previsão, com base na lei das estatais e no tempo de mandato dele à frente do BNB, era de que ele saísse em agosto deste ano, contudo, um dispositivo no estatuto do banco, contudo, permite que a diretoria permaneça no exercício das funções até que haja novas nomeações e/ou reconduções de mandatos.