Quais carros podem ocupar o lugar do Troller após fim da marca?

Segundo representantes do mercado de venda de carros, assim como proprietários de veículos Troller, os motoristas deverão acabar migrando para a compra de picapes utilitárias

Carros da Troller fazem trilha
Legenda: Troller é a única montadora remanescente no Ceará
Foto: Divulgação

O mercado de veículos utilitários local deverá perder uma das marcas mais icônicas, já que a Ford confirmou o fechamento da fábrica da Troller e o encerramento da produção de veículos neste mês de setembro. Em meio a esse cenário, os consumidores já buscam opções de reposição no segmento de picapes para suprir a demanda. 

A perspectiva de representantes do mercado de venda e revenda de carros é que ainda será preciso aguardar a evolução da demanda após o fechamento oficial da fábrica e o encerramento das atividades da marca. Contudo, pessoas ligadas a concessionárias no Ceará já começaram a identificar uma migração do público da Troller para a compra de picapes off-road com foco em aventura. 

Para Lucas Rolim, diretor-proprietário da Ford Crasa, essa tendência deverá se consolidar nos próximos meses, e os clientes da Troller deverão buscar mais picapes a diesel para suprir a necessidade ou a vontade de ter um utilitário da marca cearense. 

Ele ainda destacou que um dos carros mais procurados deverá ser a Ford Ranger, considerando a semelhança de componentes e a facilidade de garantir peças de personalização de cada unidade no mercado local. Rolim comentou que muitos clientes que já têm um Troller estão de olho na Ranger pela familiaridade da marca. 

Anos atrás, para aprimorar os modelos da Troller, a Ford começou a usar componentes da Ranger, como o motor e a marcha, segundo o diretor da Crasa. Segundo ele, essa proximidade entre as duas marcas pode acabar atraindo compradores. 

Ao meu ver, o que vai se adequar mais ao cliente da Troller são as picapes a diesel, porque elas têm um potencial aproximado e uma estrutura mais similar aos modelos da Troller, e a pessoa ainda ganha um carro mais seguro e confortável. A gente está vendo uma migração muito grande para a Ford Ranger, que utiliza o mesmo motor e marcha da Troller  
Lucas Rolim
Diretor-proprietário da Ford Crasa

"Mas o pessoal que tem Troller gosta de customizar o carro, com rodas novas, peças de guincho, e a ranger é o carro que tem mais peças off-road e a que você mais consegue customizar. Você consegue até colocar os pneus da Troller. Pela semelhança dos carros e pela conexão das marcas, acho que ela deve ser uma boa escolha", disse. 

Mercado de seminovos movimentado 

A perspectiva da busca por picapes é confirmada por Eduardo Weimar, diretor comercial da Jangada Nissan. Ele comentou que os atuais donos de veículos da Troller já estão considerando uma troca de modelo, mas que ainda é cedo para afirmar uma tendência. 

Contudo, a perspectiva da busca por picapes, para ele, é mais plausível no momento, considerando que no mercado local há muita procura pelas atividades de aventura e trilhas off-road. 

O Troller é um carro muito específico com uma característica forte para os clientes comprarem ele. Ele só vende por conta da questão do off-road, mesmo tendo um estilo muito atualizado. Então, o cliente Troller vai buscar um off-road radical e deve migrar para um mercado de picapes
Eduardo Weimar
Diretor comercial da Jangada Nissan

Weimar projeta que os clientes mais entusiastas da Troller podem alimentar uma nova movimentação no mercado de seminovos, buscando se manter com carros da marca, ainda que sejam usados. Contudo, ele afirmou que será preciso aguardar para consolidar as proporções de clientes que irão buscar modelos novos ou manter a posse de utilitários da Troller.  

"Alguns dos donos de Troller vão continuar buscando carros da Troller no mercado, só que de seminovos. O mercado de seminovos vai dar uma movimentada, mas a gente precisa ir avaliando o tamanho dessa migração e como será o comportamento dos clientes. Por ser uma marca local, a Troller tem ainda uma atração a mais", explicou. 

Adaptação de mercado

Apesar da cautela dos representantes do mercado, os consumidores parecem já estar se adaptando ao novo cenário sem a Troller. Segundo Cristiano Fontenele, integrante do Comando Apache, um dos maiores grupos de motoristas para passeios off-road no Estado, as pessoas que dirigem Troller já estão buscando opções fora da marca. 

O objetivo é garantir que não haja uma desvalorização muito grande dos investimentos nos automóveis, já que a Troller deverá encerrar a produção de veículos e peças. Ele comentou que os integrantes do grupo têm buscado algumas picapes ou outros tipos de veículos utilitários off-road para suprir a vontade de ter um Troller. 

"Fiquei 15 anos com o Troller e comprei uma Ranger no ano passado e surpreendeu pelo mesmo motor e pelo rendimento nas trilhas. Muita gente tem me ligado para perguntar se o rendimento é semelhante, e eu posso dizer que sim. Alguns 'trolleiros' estão chateados com a Ford, mas a Ranger acaba sendo uma boa opção. Mas as pessoas também estão buscando outros carros", explicou. 

Veja alguns veículos que podem ser alternativa ao Troller: 

Nissan Frontier 

Preço: R$ 181.400 e R$ 245.600

Foto: Divulgação

Ford Bronco 

Preço: R$ 264.690

Foto: Divulgação

Ford Ranger 

Preço: R$ 255.990.

Foto: Divulgação

Jeep Wrangler

Preço: R$ 369.923

Foto: Divulgação

Suzuki Jimny

Preço:R$ 109.990

Foto: Divulgação

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios