Camilo se reúne com presidente da Ford para pedir permanência da fábrica da Troller no Ceará

O encontro ocorreu na tarde desta segunda-feira (16); 470 pessoas ficarão desempregadas com a saída da montadora

Camilo em sala de reunião
Legenda: Camilo se reuniu com presidente da Ford na América do Sul, Daniel Justo, e diretores da multinacional. Também participaram os secretários de Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará (Sedet), Maia Júnior, da Fazenda, Fernanda Pacobahyba, e da Casa Civil, Chagas Vieira
Foto: Reprodução / Twitter

O governador Camilo Santana (PT) se reuniu, nesta segunda-feira (16), com representantes da Troller para tentar negociar a continuidade da produção dos jipes em Horizonte, na Região Metropolitana de Fortaleza. A empresa já anunciou o fechamento da fábrica cearense para setembro deste ano. 

Nas redes sociais, o chefe do executivo informou que a reunião foi com o presidente da Ford na América do Sul, Daniel Justo, e diretores da multinacional. 

“A reunião buscou uma nova tentativa de revertermos o anúncio feito pela empresa de fechar a fábrica da Troller no Ceará”, disse, lembrando que outras duas unidades da montadora foram encerradas no País, em Camaçari (BA) e Taubaté (SP). 

Ao lado de Camilo, estavam os secretários de Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará (Sedet), Maia Júnior, da Fazenda (Sefaz), Fernanda Pacobahyba, e da Casa Civil, Chagas Vieira. 

“Nos últimos meses, buscamos investidores e dialogamos com interessados em adquirir a marca. Lamento a decisão da Ford de descontinuar a produção em Horizonte e reitero aos cearenses que garantir a manutenção dos empregos e gerar novos postos de trabalho são nossas prioridades”, completou.

 
A unidade da Troller em Horizonte conta, atualmente, cerca de 470 empregados diretos, com salários entre R$ 1.100 e R$ 12 mil, considerando todos os níveis. 

Negociações 

Recentemente, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará (Sedet) havia confirmado que manterá a "busca pela continuidade da fábrica para o desenvolvimento do município de Horizonte e a manutenção dos empregos".

O titular da Sedet, Maia Júnior, afirmou que os possíveis compradores da fábrica em Horizonte foram frustrados por uma decisão da matriz da Ford, detentora da marca cearense, de que os modelos da Troller não poderão ser produzidos por terceiros. 

 
 
Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados


ÚLTIMAS HORAS PARA GARANTIR SUA ASSINATURA ANUAL COM 50% DE DESCONTO

Tenha acesso ilimitado a conteúdos exclusivos!

Análises de especialistas, coberturas sobre esporte, política, economia e muito mais.

ASSINE JÁ