Vídeos serão projetados nas paredes da Estação das Artes Belchior durante festival; saiba mais

Festival Abstrata acontece nesta sexta (5) e sábado, com shows de DJs e VJs; no roteiro, experimentações artísticas, tecnológicas e repletas de cores e sons. Programação gratuita

Escrito por Redação,

Verso
Legenda: A última edição do Abstrata em Fortaleza aconteceu em 2019, no Teatro São José
Foto: Nicolás Leiva

As históricas paredes do Complexo Cultural Estação das Artes Belchior, no Centro de Fortaleza, serão tomadas por cores, imagens e sensações. Isso porque a técnica de videomapping – que consiste na projeção de vídeo em objetos ou superfícies irregulares, valendo-se da imponência arquitetônica de prédios – será uma das linguagens trabalhadas no II Festival Abstrata, realizado no equipamento do Governo do Estado do Ceará.

Tudo acontece entre esta sexta-feira (5) e sábado (6), com programação diversificada e gratuita de shows audiovisuais. Além dessas atrações, obras interativas de videoinstalação e ações educativas, a exemplo de oficinas e palestras, devem mergulhar o público em vários saberes. A intenção é formar plateias e novos artistas.

Um dos focos do Abstrata é explorar, a cada edição, um espaço distinto da Capital, levando a luz dos projetores por toda a cidade e difundindo distintas linguagens, além do estímulo ao acesso público às artes. Em mais um ano, esses componentes não devem ficar de fora.

Legenda: Nesta edição do festival, há um objetivo específico: criar um circuito de ações artísticas pela região central de Fortaleza
Foto: Nicolás Leiva

Nesta edição, porém, há um objetivo específico: criar um circuito de ações artísticas pela região central de Fortaleza, proporcionando à população a oportunidade de circular e fruir esses espaços de outra maneira por meio da interação com a arte e a tecnologia.

Criatividade cearense

Ao todo, 11 cearenses comporão o festival. Na área de videomapping, Vitor Grilo, Caio Pena e Angela Jomara ecoarão as projeções em determinados espaços da Estação. Por sua vez, na mostra de performance audiovisual, Dronedeus, Ivan Timbó, Água Suja, URO, Eric Barbosa, Vacilant, Wellington Gadelha e Aterra Flech integram o time.

Além deles, artistas de várias partes do Brasil – englobando São Paulo, Distrito Federal, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Pará – igualmente encantarão o público com as performances. As noites serão embaladas por shows de DJs e VJs, proporcionando uma experiência singular na emblemática arquitetura do espaço.

A primeira edição do Abstrata ocorreu em 2019 no Teatro São José, consolidando-se na rede nacional de eventos e artistas de videomapping, live cinema e VJ art. A segunda edição tem como objetivo potencializar essa rede, fortalecendo trocas e encontros entre cidade, público, artistas e produtores cearenses com personagens e obras de outras realidades.

 

Serviço
II Abstrata – Festival Internacional de Videomapping
Nesta sexta (5) e sábado (6), no Complexo Cultural Estação das Artes Belchior (Rua Dr. João Moreira, 540 - Centro). Mais informações nas redes sociais do evento e no site

Assuntos Relacionados