Movimentação de cargas no Porto do Pecém cresce 15% em janeiro

Ao todo, 1,19 milhões de toneladas passaram pelo terminal, entre embarques e desembarques

Escrito por Redação,

Negócios
fotografia
Legenda: Os embarques, ou seja, produtos que saíram do Ceará, somara 1,01 milhão t no mês passado, representando um aumento de 30%
Foto: Carlos Marlon

O Porto do Pecém iniciou o ano com uma alta de 15% na movimentação de cargas em janeiro. Ao todo, foram mais de 1,36 milhões de toneladas contra 1,19 milhões t registradas em janeiro de 2020. A informação consta no site da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Estado (Sedet).

Os embarques, ou seja, produtos que saíram do Ceará, somara 1,01 milhão t no mês passado, representando um aumento de 30% em relação às 784 mil t observadas no mesmo mês do ano passado.

Olhando apenas a cabotagem, que é o transporte de carga entre portos do Brasil, os principais produtos que chegaram ao Estado foram minérios; cereais; ferro fundido; e alumínio.

Já entre os itens vindos de outros países, os principais foram combustíveis minerais, ferro fundido e adubos.