'Vaca magra' de artista plástica cearense é removida da calçada da Bolsa de Valores de São Paulo

Estátua feita de resina e fibra de vidro foi colocada no mesmo lugar em que estava o Touro de Ouro, já removido por falta de licenciamento

Escrito por Redação, negocios@svm.com.br

Negócios
Escultura da vaca magra em São Paulo
Legenda: Obra é um protesto contra a fome no país
Foto: Reprodução/Redes sociais

A artista plástica cearense Márcia Pinheiro instalou a escultura de uma vaca magra em frente à Bolsa de Valores, no Centro de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (9). A obra de resina e fibra de vidro integra uma intervenção social e foi colocada no mesmo lugar onde estava o "Touro de Ouro".

Contudo, para evitar que a escultura fosse apreendida pela Polícia Militar, um produtor responsável pela intervenção já a retirou do local. 

Exposição sobre a fome

Via redes sociais, Márcia Pinheiro publicou uma foto da escultura anunciando o início da exposição aberta, cuja temática principal é a fome. 

Ao todo, a ação "vacas magras" tem 10 esculturas idênticas. No Ceará, os animais já foram expostos em frente à Secretaria Estadual da Educação (Seduc), ao Aeroporto Internacional Pinto Martins e ao Mercado Central, por exemplo. 

Touro de Ouro

A escultura amarela foi fixada no mesmo local onde havia sido inaugurado um "Touro de Ouro", no dia 16 de novembro A versão brasileira do touro de Wall Street, em Nova York, foi um presente do economista Pablo Spyer e do artista plástico Rafael Brancatelli "para a cidade de São Paulo e o mercado financeiro brasileiro".

Uma semana depois, porém, a estátua do animal foi removida porque a Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento (SMUL) não havia emitido licença urbanística para a sua instalação.

O touro dourado pesa uma tonelada, tem cinco metros de comprimento e três metros de altura. A instalação do monumento gerou repercussão nas redes sociais e protestos em frente à B3 pela escolha em meio à crise econômica da qual o país atravessa.

“Nesta semana, a Bolsa de Valores instalou a estátua do Touro de Ouro no Centro de São Paulo. O que para eles simboliza a força do mercado financeiro, para nós é um símbolo da fome, da miséria e da superexploração do trabalho. Mas, também, é um lembrete de que continuaremos na luta por uma vida com dignidade. E é por isso que hoje fizemos essa ação simbólica de protesto”, disseram os manifestantes coletivo Juventude Fogo no Pavio.