Academias, teatros e cinemas poderão atender até 100% do público se exigirem passaporte da vacina

Camilo Santana anunciou as novas medidas nesta sexta-feira (26)

Escrito por Nayana Siebra e Itallo Rocha ,

Negócios
Academia
Legenda: A medida estará no novo decreto estadual de enfrentamento à pandemia
Foto: Shutterstock

Os estabelecimentos do Ceará que ainda possuem restrição de capacidade de público poderão atender até 100% dos clientes se exigirem o passaporte da vacina. A medida foi anunciada, nesta sexta-feira (26), pelo governador Camilo Santana e estará no novo decreto estadual de enfrentamento à pandemia. 

Academias, teatros e cinemas são alguns dos estabelecimentos que poderão adotar a medida. Detalhes sobre a mudança devem constar no decreto que será publicado no Diário Oficial neste fim de semana.

Festas de Réveillon

Além da mudança de capacidade, o governador anunciou que o comitê decidiu proibir grandes eventos de réveillon em todo o Estado. Apenas poderão ocorrer eventos sociais com até 2.500 pessoas em locais fechados e 5.000 em ambientes abertos.

A comprovação do esquema vacinal completo também será exigido. A previsão é de que a ampliação do público ocorra a partir de 16 de dezembro. 

"Nós estamos acompanhado o aumento de casos de Covid-19 em alguns municípios do Ceará e no mundo, e nos mostramos contra grandes eventos por prudência e por responsabilidade. A única chance de superarmos a pandemia é com a vacina", disse o governador.

Carnaval

Sobre o Carnaval, o governador disse que deverá "seguir o mesmo rumo". No entanto, o assunto será "discutido posteriormente".