Biblioteca Pública Estadual do Ceará deve voltar a funcionar até o final de 2020, segundo Secult-CE

Reforma estrutural do equipamento está em fase de conclusão e reabertura seguirá medidas de prevenção à Covid-19

Escrito por Redação,

Verso
Legenda: Biblioteca está com protocolo institucional de funcionamento já elaborado, com todas as ações alinhadas a medidas de prevenção ao novo coronavírus
Foto: Thiago Gadelha

Fechada para reforma desde fevereiro de 2014, a Biblioteca Pública Estadual do Ceará (BECE) estará apta a funcionar até o final deste ano, de acordo com a Secretaria da Cultura do Estado (Secult-CE).

Por meio de nota, a pasta informou que a pandemia de Covid-19 impactou no calendário de reinauguração do equipamento. Em setembro, com a reabertura gradual das atividades, foram retomadas pelos fornecedores a entrega, montagem e instalação final do mobiliário, além dos equipamentos e acervo bibliográfico.

"A BECE está com seu protocolo institucional de funcionamento já elaborado, com todas as ações já alinhadas com as medidas de prevenção à Covid-19, conforme as orientações da SESA e do Comitê Estadual de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus", sublinha o texto.

Sobre a gestão do equipamento, a Secult comunicou que a biblioteca contará com contrato de gestão com uma OS (Organização Social), tendo a bibliotecária Enide Vidal no cargo de gestora do espaço e a socióloga e pesquisadora Glória Diógenes na superintendência.

Destacou ainda que o retorno do funcionamento da BECE seguirá todas as diretrizes e calendário relativos à retomada gradual e responsável das atividades.

Histórico

A Biblioteca Pública Governador Menezes Pimentel foi inaugurada em 25 de março de 1867 pelo até então presidente da Província do Ceará, João de Sousa Melo e Alvim. À época, contava com cerca de 1700 livros no acervo. Em fevereiro de 1975, foi inaugurado o novo e atual prédio do equipamento, pelo presidente Ernesto Geisel.

Três anos depois, um decreto do governador Waldemar Alcântara muda o nome da casa para Biblioteca Pública Governador Menezes Pimentel, homenageando o ex-governador Francisco de Meneses Pimentel.

Em 2002, o espaço passou pela última reforma geral antes da mais recente, onde foi feita uma completa reforma da estrutura do prédio, com modernização dos sistemas e da estrutura, além da integração física com o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

Quando for reinaugurado, após mais de seis anos de nova reforma, o ambiente será chamado Biblioteca Pública Estadual do Ceará, abraçando novo conceito, alinhado ao projeto das Bibliotecas Parques do Rio de Janeiro. Novos livros, computadores, espaços para família, um café e um jardim deverão fazer parte da dinâmica estrutural do equipamento.