Pesquisa aponta Ceará com o GNV mais caro do Nordeste

Já a gasolina apresentou alta de 3,9% na primeira quinzena de setembro

Imagem de um automóvel abastecendo com Gás Natural Veicular
Legenda: Além do GNV mais caro, o diesel e diesel S-10 foram os combustíveis com as maiores variações no Ceará
Foto: Helene Santos

O Ceará tem o GNV (gás natural veicular) mais caro da região do Nordeste. O dado faz parte do último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL) que confirmou a continuidade da tendência de alta dos preços dos combustíveis nos nove estados. A pesquisa é referente à primeira quinzena de setembro. Além do cenário referente ao GNV, o Estado apresentou um valor médio de revenda da gasolina superior ao registrado na Região.

Segundo a Ticket Log, a média de preços do GNV, no Ceará, ficou em R$ 3,483, superando todos os outros estados. Já a gasolina cearense apresentou um preço médio de em R$ 4,665, o que representa um aumento de 3,9% frente a última pesquisa realizada no mês de agosto.

A pesquisa também registrou um aumento de quase 2% no preço do etanol comercializado no Estado. O combustível finalizou a primeira quinzena desse mês com um preço de R$ 3,703. Já o diesel e o diesel S-10 apresentaram as maiores variações no período com altas de 5,1% e 4,5%, respectivamente. A média de preços do diesel ficou em R$ 3,751. A do diesel S-10 em R$ 3,786.

Contudo, essa flutuação de preços foi registrada em todo o Nordeste, com o IPTL indicando um aumento de 2% no preço da gasolina em toda a Região, chegando à média de R$ 4,6 por litro. O valor mais alto foi registrado no Piauí, onde o combustível tem um valor médio de revenda de R$ 4,715. A Paraíba foi o Estado que apresentou o valor mais baixo para a gasolina, fechando em R$ 4,356.

Apesar desse movimento de alta, Douglas Pina, head de mercado urbano da Edenred Brasil, afirma que a gasolina continua sendo mais competitiva do que o Etanol. "É possível notar que, com a chegada da nova gasolina ao mercado brasileiro e com o combustível apresentando alta nos últimos meses, ele continua sendo o mais vantajoso frente ao etanol na maioria dos estados da Região Nordeste", disse.

ANP

Apesar de manter levantamentos periódicos e semanais, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), não apresenta dados de preços dos combustíveis no Ceará há quase um mês. O último dado é referente à semana do dia 22 de agosto.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios