Empresa Aegea vence leilão de saneamento e vai investir R$ 248 milhões no Crato

O prazo de concessão é de 35 anos para universalizar o serviço de esgotamento sanitário

Escrito por Lívia Carvalho ,

Negócios
Legenda: Apenas 32% da população do Crato tem acesso às redes de esgoto
Foto: Thiago Gadelha/SVM

A empresa Aegea Saneamento venceu o leilão do esgotamento sanitário para o município do Crato, no Cariri. A sessão pública aconteceu nesta sexta-feira (11) na Bolsa de Valores (B3). O investimento será de R$ 248 milhões durante 35 anos. 

Apenas um lance foi considerado apto para participar do leilão e, dessa forma, foi o vencedor, conforme previsto no edital. A empresa agora terá de fazer a universalização do serviço

Presente da sessão, o prefeito do Crato, José Ailton de Sousa Brasil, comemorou o resultado do processo iniciado há mais de três anos que deve gerar renda, emprego e promover o desenvolvimento socioeconômico da região. 

"Esse projeto vem para que a gente possa atender à demanda da sociedade, nosso papel é servir ao público. Juntos podemos fazer um Crato mais forte, mais voltado ao turismo". 
José Ailton de Sousa Brasil
prefeito do Crato

Atualmente, apenas 32% da população do município têm acesso às redes de esgoto. Com a concessão, o serviço deve ser ampliado para atender mais de 130 mil pessoas. 

Marco legal do saneamento 

O marco legal do saneamento foi aprovado em 2020 e objetiva estimular a concorrência no setor de modo a garantir o atendimento de toda a população com os serviços.  

De acordo com uma estimativa da KPMG e ABCON SINDCON, associação das operadoras privadas de saneamento, são necessários investimentos da ordem de R$ 753 bilhões até 2033 para universalizar os serviços de água e esgoto no Brasil.