Volume de vendas do comércio cearense cresce 2,6% no outubro

Apesar do resultado positivo, o setor, no Ceará, ainda acumula perdas em 2020

Legenda: Em outubro, houve piora da confiança em todos os seis principais segmentos do comércio
Foto: Natinho Rodrigues

O mês de outubro foi positivo para o comércio cearense. Segundo dados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o varejo ampliado teve alta de 2,6% na comparação com igual mês de 2019. A categoria também considera as vendas do comércio e inclui as atividades de veículos, motos, partes e peças e segmento de material de construção.

Apesar do resultado positivo, o setor, no Ceará, ainda acumula perdas em 2020. No acumulado do ano, o IBGE aponta uma retração de 7,3% do volume de vendas. O levantamento também apontou para um resultado no acumulado das vendas dos últimos 12 meses (5,6%). 

Já na análise entre outubro e setembro deste ano, o varejo teve uma alta de 1,9% de acordo com os dados da PMC. 

Receita

Em relação à receita nominal, que representa a diferença entre receitas e despesas totais, também houve uma evolução na comparação entre outubro de 2020 com igual mês de 2019. O IBGE registrou alta de 9,3%. 

Contudo, nesse quesito, o comércio cearense também acumula um encolhimento no acumulado do ano, de 2,9%. 

Nos últimos 12 meses, o comércio cearense, no varejo ampliado, registra queda de 1,6%.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios