'Minha indicação foi técnica', afirma novo presidente do BNB

Alexandre Cabral negou que posto tenha sido resultado de aproximação política dele com representantes do Centrão

Posse do novo presidente do Banco do Nordeste
Legenda: Alexandre Cabral tem 34 anos de experiência na ala financeira e é funcionário de carreira do BNB
Foto: Fabiane de Paula

O novo presidente do Banco do Nordeste, Alexandre Cabral, afirmou que sua indicação para o cargo "foi técnica", resultado da "experiência exitosa quando esteve na Casa da Moeda" e não tem relação com a aproximação dele com representantes do grupo político conhecido como Centrão.

"O Alexandre Cabral foi indicado para a Casa da Moeda pelo Roberto Jefferson, foi indicado para o Banco do Nordeste pelo Valdemar da Costa Neto, do PL. Eu gostaria de declarar que eu não conheço esses dois cidadãos, não tenho telefone, não mantive contato. Isso absolutamente não é verdadeiro. A minha indicação, foi uma indicação técnica", afirmou no discurso de posse, que aconteceu na manhã esta terça-feira (2), na sede do BNB, em Fortaleza.

A informação de que o Banco estaria sendo usado como moeda de troca entre o presidente Jair Bolsonaro e os representantes do Centrão a partir de uma aproximação política entre as partes, surgiu no fim de semana, quando o nome de Cabral foi mencionado.

"Alguém saiu emitindo sistematicamente isso e parece aquela história de que se você falar muitas vezes a mesma história acaba sendo verdade. Não é verdade. A nossa indicação aqui foi meramente técnica, pra fazer uma gestão técnica, para obter resultados e trazer o desenvolvimento sustentável para a Região Nordeste", reforçou.

Currículo

Segundo o perfil profissional divulgado pelo BNB, Alexandre Cabral tem 34 anos de experiência na ala financeira e é funcionário de carreira do BNB. Ele também presidiu a Casa da Moeda do Brasil (2016-2019) e coordenou a Área de Atração de Investimentos do Governo do Estado do Ceará (2004-2007). Recentemente, atuava como executivo no Escritório de Promoção e Atração de Investimentos e Relacionamento Institucional do Banco do Nordeste, no Rio de Janeiro.

Alexandre Cabral é administrador, formado pela Universidade Estadual do Ceará (Uece) com MBA pelo Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais, curso de Avaliação Financeira e Economia de Projetos Industriais, pela Universidad de Los Andes, na Colômbia, e especialização nas áreas de Crédito Rural, Crédito Industrial e Crédito à infraestrutura, pelo Banco do Nordeste,