Gasolina vendida no Ceará fica R$ 0,08 mais cara em agosto

O preço médio da gasolina vendida no Ceará foi o terceiro menor entre os estados do Nordeste na última semana

Legenda: Em quatro semanas, preço médio da gasolina em Fortaleza subiu R$ 0,11, chegando a R$ 4,22
Foto: Reinaldo Jorge

A gasolina vendida ao consumidor final no Ceará ficou R$ 0,08 mais cara na primeira semana de agosto. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio praticado na última semana (02/08 a 08/08) era de R$ 4,274. Há quatro semanas atrás (12/07 a 18/07), a gasolina era vendida, em média, a R$ 4,188 no Estado. A alta representa uma variação de 2% no preço médio no período.

O preço médio da gasolina repassada ao consumidor final foi apurado pela ANP a partir de levantamento realizado em mais de 200 postos em todo o Ceará.

Em Fortaleza, o preço médio da gasolina na última semana foi calculado em R$ 4,22, sendo R$ 3,95 o valor mínimo (encontrado na região da Messejana) e R$ 4,71 o valor máximo (observado no bairro Bom Sucesso). Em quatro semanas, o preço médio do combustível na Capital cearense subiu R$ 0,11.

O maior preço médio para a gasolina na última semana foi encontrado na cidade de Crateús (R$ 4,80). Já o menor preço médio foi apurado em Quixadá (R$ 4,18).

Região

O preço médio da gasolina vendida no Ceará foi o terceiro menor entre os estados do Nordeste na última semana, atrás dos preços praticado no Maranhão (R$ 4,13) e na Paraíba (R$ 3,99). O maior preço médio foi idenficado no Rio Grande do Norte (R$ 4,55).

Entre as regiões do País, o Nordeste apresentou, na última semana, gasolina mais cara do País (R$ 4,33), considerando os preços médios apurados nos estados. O menor preço médio foi observado no Sul (R$ 4,13).

Você tem interesse em receber mais conteúdo de negócios?

Assuntos Relacionados