Condecon defende reforma tributária em carta ao Congresso

No manifesto, o Conselho destaca que a atual crise provocada pela pandemia "expõe ainda mais as mazelas tributárias"

Legenda: Documento foi encaminhado ao presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira; e ao presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O Conselho de Relacionamento com o Contribuinte (Condecon) enviou ao Congresso Nacional uma carta aberta em defesa da reforma tributária. O documento foi encaminhado ontem (16) ao presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira; e ao presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco.

O colegiado do Condecon, que reúne representantes do Fisco cearense, de entidades empresariais e de categorias profissionais, pede na carta que os parlamentares priorizem a efetivação de uma reforma para simplificar e padronizar as normas e procedimentos tributários.

Poder de transformação

No manifesto, o Conselho destaca que as reformas são importantes, mas que a tributária é a que "tem o maior poder de transformar o Brasil na potência que sempre almejou ser" e que a atual crise provocada pela pandemia "expõe ainda mais as mazelas tributárias".

"É notória a histórica dificuldade das empresas em estar conforme as exigências tributárias. O sistema tributário nacional vem sendo um peso imensurável aos agentes econômicos, tornando pouco eficiente sua atividade e dificultando sobremaneira o desenvolvimento social de nossa população", diz o conteúdo da carta.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios