Comércio de Fortaleza se prepara para funcionar no Carnaval pela 1ª vez em 87 anos

Expectativa do setor é que lojas abram, conforme permite o decreto estadual

Foto: Helene Santos

Com o cancelamento das festas de Carnaval e a recomendação do Governo do Estado para que as empresas funcionem normalmente no período, o comércio do Ceará se prepara para abrir as portas na segunda e terça de Carnaval pela primeira vez em 87 anos.

Segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista e Lojista de Fortaleza (Sindilojas), Cid Alves, os lojistas estão se preparando para funcionar normalmente. O único possível impedimento, a convenção coletiva fechada com os trabalhadores ainda em novembro, está sendo negociado.

Convenção não deve ser entrave

"Como a gente não previa o que iria acontecer, ficou decido na convenção que não abriríamos no período do Carnaval. O que na verdade, não é feriado, é apenas um hábito e costume. Mas os trabalhadores estão sensíveis e não apresentam resistência", afirma.

Segundo ele, a abertura será benéfica tanto aos funcionários, que recebem parte dos rendimentos por comissão, quanto para as lojas, que necessitam do faturamento.

"Acredito que bem antes do Carnaval já estaremos com tudo isso resolvido, dando tempo para os lojistas se organizarem. Com relação a vendas, é difícil fazer uma projeção, porque é a primeira vez que isso vai acontecer em 87 anos. Mas acredito que, por ser um dia normal, a movimentação vai ser boa, fazendo o mês ser melhor que fevereiro de outros anos", avalia Alves.

"Nenhum lojista de juízo irá escolher não abrir"

O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Ceará (FCDL-CE), Freitas Cordeiro, confirma a perspectiva de abertura no Carnaval deste ano. "Estamos trabalhando para isso. Acredito que nenhum lojista de juízo irá escolher não abrir. Já passamos muito tempo fechados", ressalta.

Segundo ele, em relação à convenção coletiva que prevê folga aos trabalhadores, a condicionante seria o Carnaval em si, que foi cancelado. "A condicionante para não trabalhar era o Carnaval. Se não vai ter, não existe motivo para a folga. De qualquer forma, estamos fechando acordo com os sindicatos", diz.

Shoppings

Shoppings
Legenda: Shoppings tiveram horário de funcionamento alterado
Foto: Camila Lima

Mesmo não fazendo parte da categoria representada pela FCDL-CE, Cordeiro aponta que as lojas de shoppings também deverão abrir. "O lojista que tá na rua é o mesmo do shopping. E o empreendimento quer receber o aluguel para que a gente possa funcionar. Então, deve abrir sim", explica.

Já o representante regional da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), André Cavalcanti, esclarece que está acompanhando as movimentações em relação ao tema, mas diz que ainda não há uma definição.

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), informou, por meio da assessoria de imprensa, que as empresas do setor também ainda estão debatendo o caso.

Escritórios de Advocacia

O Governo do Estado, além da recomendação ao setor privado que funcione no carnaval, suspendeu o ponto facultativo dos servidores estaduais. Com isso, os escritórios de advocacia que trabalham com áreas relacionadas à Justiça estadual deverão funcionar normalmente. Segundo Tiago Asfor Rocha, presidente do Centro de Estudos de Sociedades de Advogados do Ceará (CESA/CE), isso representa a maioria dos escritórios.

"Só não devem funcionar aqueles que trabalhem com uma área específica do Direito, apenas com Justiça Federal ou Justiça do Trabalho, porque esses são órgãos ligados a União e, no calendário, a segunda e terça-feira de Carnaval estão marcadas como feriado", explica.

Os demais, segundo ele, funcionarão normalmente, tendo em vista que os prazos dos Tribunais de Justiça, dos Juizados Especiais e dos Fóruns estarão correndo, fazendo necessária a atuação dos advogados, bem como para atendimento dos clientes, que também deverão estar em expediente normal.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados