Ceará vai receber grande feira de turismo em outubro, com formato presencial e online

Setor turístico avalia que a feira será um marco na retomada dos eventos

centro de eventos
Legenda: Feira deve marcar retomada do setor de eventos, projeta Arialdo Pinho
Foto: Camila Lima

A Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav) e a Secretaria do Turismo do Estado do Ceará (Setur-CE) anunciaram na manhã desta terça-feira (11) que o Centro de Eventos em Fortaleza vai receber de 6 a 8 de outubro uma das maiores feiras de turismo do Brasil: A Abav Itinerante. O evento ocorrerá presencialmente e será "espelhado virtualmente" em um formato híbrido.

O ministro do Turismo, Gilson Machado, participou do anúncio e destacou que o Ceará possui grande importância no contexto turístico da América Latina e elogiou a "agressividade do Ceará em captação de novos voos". "Deve servir de exemplo para outros estados".

Ele afirmou que no cenário do turismo, o "Brasil é a bola da vez". "Só se fala em Brasil agora, inclusive as companhias aéreas. Estamos vendo com bons olhos essa Abav itinerante", detalhou Machado.

Nordeste em alta

O presidente da Embratur, Carlos Brito, também presente no evento virtual para anunciar a feira, destacou que as agências já sentem o aquecimento da procura pelo Nordeste como destino turístico. "Vai ser muito importante a feira da Abav ser realizada no Ceará para promover o destino", destacou.

Ele também frisou que, em julho, a Embratur retomará o trabalho de promoção do Brasil no exterior.

De acordo com Magda Nassar, presidente da Abav, a proposta é que "durante a semana do evento a cidade de Fortaleza respire turismo".

Ela pontua que a capital cearense terá ações espalhadas pela cidade nesse período e que todos os protocolos serão adotados, como medição de temperatura e inscrição inteiramente virtual para evitar filas em guichês de credenciamento que antes eram físicos.

Pontos importantes de Fortaleza terão rodadas de negócios turísticos durante os dias de evento.

"Queremos fazer pontes e criar conexões entre os agentes, fazer imersões. Para isso nós estamos há meses estudando e o que importa para nós é sairmos de onde estamos hoje", afirma Magda. "A retomada bate à nossa porta e a Abav vai abrir essa porta", reforça a presidente da associação.

Imunização

O secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, destacou que a feira marca "a recuperação do setor de eventos" e acredita que, quando o evento acontecer, cerca de 35% da população deve estar vacinada. "Um índice muito baixo de Covid-19 circulando no País", projeta.

Questionado sobre um possível choque entre os frequentadores do evento e a população que estará se vacinando, já que a imunização também ocorre no Centro de Eventos do Ceará e ainda deve estar em curso no mês de outubro, Arialdo garantiu que há espaço disponível para os dois cenários.

"A vacinação é na Ala A e ela não é totalmente ocupada. O evento acontecerá do outro lado, são mais de 150 metros de distância e estacionamentos diferentes", detalha Pinho.

Também participaram do lançamento da Abav Itinerante em coletiva virtual o secretário do Turismo de São Paulo, Vinicius Lummertz, o presidente da Abav Ceará, Murilo Santa Cruz e os presidentes da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Brasil, Manoel Linhares, e no Ceará, Régis Medeiros.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios