Atividades turísticas crescem pelo 3º mês seguido no Ceará

Segundo o IBGE, setor cresceu 11,2% na passagem de setembro a outubro

Fotografia
Legenda: Setor tem sido movimentado por pequenas viagens dentro do Estado. Na foto, Guaramiranga
Foto: Renato Bezerra

No meio de planos elaborados de retomada do turismo em diversas cidades do País, o Ceará observou um crescimento de 11,2% no índice de atividades turísticas em outubro.

A taxa foi apresentada em pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que também mostra outro dado animador: esta é a terceira taxa positiva consecutiva registrada em solo cearense, apesar de surgir com uma desaceleração perante os meses anteriores. Agosto teve 77,8% e setembro, 14,6%.

De acordo com o levantamento, o resultado está intensamente ligado às medidas estabelecidas contra a Covid-19, criadas para reforçar a necessidade do isolamento social em todo o Brasil. Em grande parte, elas atingiram fortemente as atividades turísticas dos estados, com destaque para serviços como transporte aéreo, restaurantes e hotéis.

No ano

Ainda que a taxa seja positiva, a comparação com o mês de outubro de 2019 mostra queda de 35,2% no índice. No acumulado, o agregado especial de atividades turísticas caiu 43,1%, se considerado igual período do ano anterior.

Reação

Segundo Ivana Bezerra Rangel, presidente do Visite Ceará, os números apresentam um bom fator por representarem um aumento gradativo do turismo de lazer com a reabertura econômica. 

“O que vemos agora é o crescimento dessas viagens por lazer, algo diferente do que acontecia nos anos anteriores em Fortaleza. Nessa época do ano, naturalmente, víamos muito o aumento da taxa de ocupação da cidade por conta do turismo de negócios, dos eventos realizados na cidade”, aponta, destacando que esse tipo de viagem ainda continua em ritmo lento justamente por conta dos cuidados com as aglomerações.

Para Ivana Bezerra, o aumento das taxas de turismo não deve impactar nos números de Covid-19, que, nesse caso, avalia, estarem relacionados com o dia a dia na Capital.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios

Assuntos Relacionados