Entenda como as redes neutras vão impulsionar o avanço do 5G no Brasil

Modelo da V.tal de compartilhamento da sua ampla infraestrutura possibilita a conexão em fibra ótica de alta capacidade as antenas celulares

Escrito por Agência de Conteúdo DN,

Negócios
Legenda: Primeira empresa de rede neutra fim a fim, V.tal possui a maior rede de fibra ótica do País
Foto: Shutterstock

A tecnologia 5G promete revolucionar a experiência com a internet. A expectativa é que, com a 5ª geração de internet móvel, a conectividade se torne até 30 vezes mais rápida, com alta capacidade de processamento e transmissão de dados e baixa latência, ou seja, tempo menor de resposta que o dispositivo dá à rede.  

“O 5G vai ser um grande habilitador de novos negócios, novas soluções, principalmente para o mercado B2B”, analisa Rafael Marquez, diretor de Marketing da V.tal, empresa detentora da maior infraestrutura de fibra ótica do País. “As mudanças de geração - de 2G para 3G e depois para 4G – melhoraram demais a velocidade e a experiência da internet móvel para os usuários, mas não foram tão disruptivas quanto vai ser agora com a 5G”, avalia o diretor. 

O que vai viabilizar esse avanço da tecnologia 5G no Brasil é a infraestrutura de fibra ótica da V.tal, em um modelo de rede neutra, que permite o compartilhamento dessa rede para operadoras e provedores de internet. Isso acontece porque essas empresas podem “alugar” estruturas de fibra ótica, sem a necessidade de criar e manter suas próprias.   

Esse modelo de negócio, existente em países da Europa e Oceania, foi trazido de forma pioneira para o Brasil pela V.tal, que possui cerca de 400 mil km de fibra ótica em 2.300 cidades, em todo território nacional. Dentro do ecossistema de 5G, a empresa garante uma estrutura robusta, com alta capilaridade e baixa taxa de latência, em um sistema que permite que várias operadoras compartilhem a mesma estrutura de fibra ótica sem prejuízo a experiência no uso de dados e voz. 

“Os provedores regionais podem alugar a rede robusta da V.tal, ao invés de construírem a sua própria rede. Eles podem se utilizar da mesma infraestrutura que as principais operadoras do país e competirem com melhores condições, porque direcionam seus recursos financeiros para atender os clientes e desenvolver serviços de valor agregado”, explica o diretor de Marketing.  

Além disso, o fato de a tecnologia 5G demandar de 5 a 10 vezes mais antenas das operadoras nacionais corrobora para o papel estratégico que a V.tal ocupa no ecossistema da 5G no Brasil, uma vez que será necessária uma infraestrutura de fibra ótica muitíssimo capilarizada para conectar todas essas antenas.  Atualmente, a V.tal já conecta cerca de 20% de todas as mais de 96 mil antenas de todo o país em atividade segundo dados da Anatel de dezembro de 2021. 

Legenda: O 5G vai ser um grande habilitador de novos negócios
Foto: Divulgação

Em outra frente de atuação, a V.tal vem ampliando o número de casas passadas com disponibilidade de contratação de internet via fibra ótica. "Temos mais de 15 milhões de casas passadas e estamos em um ritmo de crescimento bem interessante. Nos últimos seis meses, temos alcançado mais de 400 mil novas casas por mês no Brasil”, destaca Rafael Marquez.  

No Nordeste são mais de 3 milhões de casas passadas em 41 municípios dos estados de Alagoas, Bahia, Maranhão, Ceará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Sergipe, Pernambuco e Piauí. No Ceará, são 698 mil casas passadas, o que representa cerca de 20% dos domicílios no estado, de acordo com a empresa.  

Até 2025, a V.tal planeja investir R$ 30 bilhões para expandir sua rede já existente em todas as regiões do país, com a perspectiva de atingir 32 milhões de casas passadas até lá. “A V.tal, com a sua rede de fibra, é uma grande viabilizadora dessa transformação digital. Não atendemos diretamente o público consumidor, mas fazemos parte da montagem desse ecossistema de conectividade, que precisa ser de qualidade para que negócios prosperem e o País cresça em competitividade global”, arremata Rafael Marquez.  

Sobre a V.tal  

A marca V.tal foi lançada em agosto de 2021 e desde então fechou mais de 20 novos contratos de soluções de rede neutra FTTH (fiber-to-the-home), somando em sua base de clientes mais de 400 contratos de atacado entre operadoras e provedores de internet. Entre outros produtos de transporte de alta capacidade, disponibiliza o fiber to the tower (FTTT), o fiber to the city (FTTC) e o fiber to the small cells (FTT-small cells), soluções que aproveitam a grande capilaridade de fibra ótica espalhada pelo Brasil para conectar sites e localidades com a tecnologia 5G.  

Saiba mais em: https://www.vtal.com.br/

 

Assuntos Relacionados