Brasileiros devem presentear apenas os pequenos mais próximos

Levantamento da Kantar Worldpanel revela como as crianças impactam o consumo dos domicílios.

Escrito por Redação Diário do Nordeste,

Negócios
Os brasileiros farão investimentos cautelosos no Dia das Crianças, comemorado nesta quarta-feira (12). De acordo com pesquisa da Kantar Worldpanel, a maior parte dos lares pretende comprar presentes apenas para os pequenos da casa (46%) – 15% afirmam que não têm intenção de dar nenhum regalo aos donos da festa.
 
A empresa ouviu 770 domicílios no período de 1º a 10 de outubro. Apenas 13% dizem planejar comprar presentes para todas as crianças da família, enquanto 11% devem apostar em um passeio como forma de comemoração.
 
A Kantar Worldpanel revelou ainda que as casas de classes mais baixas (classe C, 49%; classe D/E, 28%) e com mulheres entre 30 e 39 anos concentram a presença de crianças no país. Entre os mais ricos, apenas 23% dos lares têm os pequenos entre seus moradores.
 
O estudo aponta também que as regiões Norte e Nordeste apresentam grande concentração de indivíduos de até 12 anos. No quesito consumo, os lares com crianças gastam mais.
 
Segundo dados da empresa, o gasto médio é R$ 555 maior, com tíquete médio R$ 8,60 mais caro, do que os domicílios compostos só de adultos. As informações se referem ao ano móvel terminado em junho deste ano.