Auxílio Cesta Básica: 1,3 mil beneficiários não retiraram o cartão no Ceará; prazo vai até abril

Auxílio tem valor total de R$ 200. Entregas já beneficiaram cerca de 29 mil profissionais que perderam a renda durante a pandemia de Covid-19

Escrito por Redação,

Negócios
Cesta básica
Legenda: Benefício é pago por meio de um cartão
Foto: Divulgação/Cufa

Cerca de 1.390 beneficiários do Auxílio Cesta Básica ainda não realizaram a retirada do cartão que viabiliza o pagamento da medida. A Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) estabelece que o período final de retirada segue até o dia 30 de abril.

O auxílio tem valor total de R$ 200, sendo entregue em duas parcelas de R$ 100. A retirada do cartão-alimentação será feita das 9h às 16h, na sede da SPS.

Segundo a SPS, as entregas já beneficiaram cerca de 29 mil profissionais que perderam a renda durante a pandemia de Covid-19. Desde a sua criação, em 2021, o Governo do Estado investiu mais de R$ 5,8 mil.

Como deve funcionar o recebimento?

Os beneficiários podem buscar seus cartões direto na Célula de Segurança Alimentar e Nutricional da SPS (Rua Soriano Albuquerque, 230 - Joaquim Távora). O desbloqueio pode ser feito pelo celular, segundo a supervisora do Núcleo de SAN, Cristina Canabrava.

Os horários para recebimento do cartão é de 9h às 16h. Durante a entrega, será necessário apresentar RG, CPF e comprovante de residência.

Lista de aprovados

Já quem deseja saber se foi aprovado para lista dos beneficiários, é possível acessar as relações completas no site oficial da SPS.

Categorias contempladas com o benefício

Serão contempladas as seguintes categorias:

  • Guias de Turismo
  • Trabalhadores de Transporte Alternativo e Escolar
  • Despachantes Documentalistas
  • Bugueiros e Equiparados
  • Feirantes
  • Ambulantes
  • Taxistas
  • Mototaxistas
  • Motoristas de Aplicativo.

De quanto é o benefício?

O benefício possui valor de R$ 200 e será pago por meio de cartão-alimentação, com duas parcelas de R$ 100. 

Conforme a SPS, cerca de 29 mil profissionais que perderam a renda devido à pandemia de Covid-19 foram beneficiados, contabilizando um investimento estadual de R$ 30 milhões.

“O Auxílio Cesta Básica foi um benefício muito prático, que também ajudou a movimentar a economia em comércios de bairro, revelando, mais uma vez, a sensibilidade do governador Camilo Santana com a população mais afetada com a pandemia”, destaca a titular da SPS, Socorro França.