Ex-BBB Nego Di ameaça Tiago Leifert após ser citado durante eliminação de Projota

O gaúcho usou as redes sociais para comentar o jogo e insultar apresentador do programa na noite de terça (16)

Nego Di insulta Tiago Leifert em transmissão
Legenda: Humorista foi eliminado do BBB 21 com 98,76% dos votos do público
Foto: reprodução/Gshow

O humorista Nego Di, ex-BBB 21, usou as redes sociais para acompanhar a eliminação de Projota na última terça (16) e proferiu insultos contra Tiago Leifert durante transmissão. "Vou te pegar, vou te dá-lhe um 'rapão'", afirmou o gaúcho no Instagram.

A indignação de Nego Di teria ocorrido logo após a saída de Projota, na qual o rapper conversou com o apresentador do programa ao vivo. "Conta comigo no que precisar. Se for para meter uma carne, xingar eles, entrar ao vivo", se dispôs o humorista.

No confinamento, ele, Projota, Karol Conká e Lumena mantiveram relação de parceria, que foi encerrada com a saída dos aliados a cada semana. 

Com a saída do músico paulista e as análises sobre o que teria sido feito de errado, Tiago Leifert contou a Projota sobre as alianças, citando o nome de Nego Di entre os envolvidos.

"Agora a culpa é minha, ô cabeça de caixa d'água?", questionou Nego Dilson, como também é chamado, apontando a câmera para Leifert. 

"Jimmy Neutron! Meu, vou tomar um gelo. Tá me tirando faz horas. Jogando letra. Vou te pegar, vou te dá-lhe um 'rapão'. Vou te dá-lhe uma tesoura de vagabundo dos guri", disse.

Processo da Rede Globo

Essa, no entanto, não é a primeira vez que Nego Di se indispõe contra o reality show. Desde a saída do programa, quando foi eliminado com 98,76% dos votos do público, o humorista relatou falta de acolhimento por parte a emissora. Além disso, concedeu entrevista a outros veículos, algo proibido no contrato dos BBBs.

Em entrevista ao colunista Léo Dias, Nego Di explicou que o processo teria como foco exatamente essa questão. "As cláusulas de segredo são vitalícias. Eu não ia entrar com processo contra a Globo, mas já tinha advogado para me defender caso eles entrassem", informou.

O gaúcho voltou a citar a conduta diante de participantes como Karol Conká e afirmou estar preparado para enfrentar o processo. "A minha diferença para a Globo é que eu não tenho um milhão e meio. Vou contra-atacar, tenho argumentos e tenho como me defender", relatou.