Saúde fiscal de cidades do CE melhora, mas 55% enfrentam problemas

Entre os municípios cearenses, 45% têm despesas com pessoal abaixo do limite prudencial neste ano - em 2018, eram somente 35%. Repasses para o Ceará cresceram 6,1% de janeiro a novembro deste ano, segundo CNM