Trapezista cai durante apresentação de estreia de circo em Caucaia

Artista circense despencou fora de rede de proteção, mas está consciente e estável

Escrito por Redação,

Ceará
Montagem com três capturas de tela de vídeo com trapezista caindo de equipamento e deitado no solo
Legenda: Profissional do circo foi socorrido por outros funcionários logo após a queda
Foto: reprodução

Um trapezista caiu de alguns metros de altura durante apresentação na estreia de um circo em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, na noite dessa quinta-feira (21). O acidente ocorreu após o artista circense se desequilibrar e foi gravado por uma testemunha na plateia.

Vídeo mostra o momento em que o homem, identificado como Eduardo Elenilson Gama, faz acrobacias no ar ao som de Michael Jackson, segurando-se ao equipamento aéreo. Em dado momento, ele se solta e cai em queda livre. 

Apesar de haver uma rede de proteção, o trapezista despenca diretamente no solo. Logo em seguida, três funcionários da atração correm até ele e o socorrem.

A Secretaria de Saúde de Caucaia informou, em nota, que Elenilson deu entrada no Hospital Municipal Abelardo Gadelha, recebendo atendimento médico imediatamente. No momento, o artista se encontra "consciente, orientado e o quadro é estável", segundo a Pasta.

Questionada pelo Diário do Nordeste, a administração do circo informou que o trapezista está bem, e a situação "foi mais um susto mesmo".

Circo desautorizado

A Secretaria de Planejamento Urbano e Ambiental do Município de Caucaia (Seplam) pontuou, em nota, que o circo chegou a solicitar autorização temporária de funcionamento. O processo, contudo, ainda não foi finalizado. 

"Portanto, o circo não tinha autorização para a realização dos espetáculos", destacou a Seplam, acrescentando que "todas as medidas cabíveis estão sendo adotadas".

O Diário do Nordeste questionou a administração do circo sobre a autorização, que classificou como "mentira" e um "mal-entendido" a informação da Prefeitura. "A documentação tem tudo, já; é porque [o circo] estava fazendo parceria com a Prefeitura [de Caucaia] para poder doar ingresso para pessoas carentes e crianças", pontuou, justificando que, devido ao feriado, "não deu tempo".

Ainda conforme a gestão do equipamento, tal documentação está sendo encaminhada e o Corpo de Bombeiros também deu autorização para funcionamento.