Leonardo Rolim é exonerado e José Carlos Oliveira assume presidência do INSS

Novo gestor do instituto é ex-superintendente regional Sudeste; Rolim voltou para o Ministério do Trabalho

Escrito por Redação, negocios@svm.com.br

Negócios
Governo troca presidente do INSS
Legenda: Leonardo Rolim virou presidente do INSS em janeiro de 2020 após a saída de Renato Vieira
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

José Carlos Oliveira é o novo presidente do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). O agora ex-superintendente regional Sudeste assume o cargo no lugar de Leonardo José Rolim Guimarães, que foi exonerado. A mudança na gestão foi publicada na edição desta sexta-feira (5) do Diário Oficial da União (DOU).

Rolim, por sua vez, foi remanejado para a Previdência do Ministério do Trabalho e Previdência, onde ele voltará a ocupar a posição de secretário. Desta vez, no lugar de Narlon Gutierre Nogueira, dispensado pelo governo federal.

Leonardo Rolim havia assumido o comando do INSS em janeiro de 2020, quando o Secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, anunciou a demissão de Renato Vieira. 

"Ele [Renato Vieira] consolidou sua disposição de sair do INSS a pedido. Foi uma conversa amadurecida ao longo dos últimos 15 dias", afirmou Rogério Marinho. "O Renato acha que precisa se dedicar a seus projetos, e nós aceitamos sua demissão", declarou Marinho à época.