Inflação de Fortaleza desacelera e vai a 0,72% em março; saiba o que mais subiu

Com o resultado de março, a Capital cearense e região metropolitana acumulam inflação de 2,59% no primeiro trimestre de 2021

Legenda: Transportes apresentaram inflação de 2,95% em Fortaleza no mês de março, conforme o IBGE
Foto: Kid Júnior

A inflação de Fortaleza medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) desacelerou de 1,48% em fevereiro para 0,72% em março, divulgou nesta sexta-feira (9) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Com o resultado de março, a Capital cearense e região metropolitana acumulam inflação de 2,59% no primeiro trimestre de 2021 e de 7,10% nos últimos 12 meses. Em março de 2020, o índice havia marcado alta de 0,21%.

Veja os itens e subitens com os principais resultados mensais:

As maiores altas

  • Manga: 28,63%
  • Laranja-pera: 15,75%
  • Maracujá: 9,17%
  • Mamão: 9,1%
  • Óleo diesel: 8,74%
  • Gasolina: 8,04%
  • Combustíveis: 7,92%
  • Cebola: 6,91%
  • Peixe-cavala: 6,64%
  • Feijão fradinho: 5,73%

As maiores quedas

  • Batata-inglesa: -11,46%
  • Maçã: -8,93%
  • Passagem aérea: -6,45%
  • Chocolate em barra e bombom: -5,06%
  • Fígado: -4,95%
  • Hospedagem: -4,86%
  • Tomate: -4,65%
  • Uva: -4,34%
  • Cenoura: -4,02%
  • Óculos de grau: -3,96%

Produtos e serviços

Dos nove grupos de produtos e serviços, três apresentaram variação negativa no mês passado, contribuindo para o arrefecimento do índice: Vestuário (-0,37%); Comunicação (-0,29%) e Artigos de Residência (-0,20%).

Em contrapartida, impediram uma inflação menor as altas observadas em Transportes (2,95%) e Alimentação e Bebidas (0,63%).

Brasil

Noo País, o IPCA marcou 0,93% em março - 0,07 ponto percentual acima da taxa registrada em fevereiro deste ano, de 0,86%. É o maior resultado para um mês de março desde 2015, quando foi registrada inflação de 1,32%.

Com o resultado de março, a inflação do País acumula alta de 2,05% nos três primeiros meses de 2021 e de 6,10% nos últimos 12 meses.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios