Farmácias limitam venda de máscaras e álcool em gel por pessoa para que 'todo mundo possa comprar'

A busca pelos itens foi impulsionada após a confirmação de casos de contaminação pelo novo coronavírus no Brasil

Escrito por Samuel Quintela , samuel.quintela@svm.com.br

Negócios
Legenda: Utilizar álcool gel ou líquido é um complemento para a limpeza das mãos
Foto: Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Para que a maior parte da população possa ter acesso a máscaras e álcool em gel, as farmácia no Ceará estão limitando as compras dos produtos por pessoa na maioria das unidades. A informação foi confirmada pelo presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos (Sincofarma), Antônio Félix

A busca pelos itens foi impulsionada após a confirmação de casos de contaminação pelo novo coronavírus no Brasil. 

Félix explicou que o controle de venda está sendo feito porque o estoque de ambos os produtos, no Ceará, está reduzido. Segundo ele, cerca de 70% das farmácias estão sem máscaras hospitalares para vender, enquanto que 30% delas não têm mais álcool em gel. 

Além da preocupação de fazer com que o maior número de pessoas tenha acesso aos produtos, Félix comentou que a medida de restrição de compra por pessoa foi tomada para evitar que atravessadores adquiram os itens em grande quantidade para revender por um preço mais alto no futuro. 

Com o aumento da demanda, Félix conta que algumas pessoas podem pensar em lucrar com a preocupação relacionada à saúde. 

"Tanto álcool em gel quanto máscara estão com o estoque acabando. Isso faz com que tenhamos a preocupação de fazer esses produtos chegarem ao maior número de pessoas. Se a farmácia tem pacotes de 100 máscaras, algumas estão vendendo de três em três para que todo mundo possa comprar", disse Félix.

O presidente do Sincofarma ainda disse que o estoque de álcool em gel não foi tão afetado quanto o de máscaras pela existência de indústrias produtoras no Ceará. 

Medidas de prevenção

A Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) anunciou medidas na estrutura da rede pública como ações de prevenção em caso de confirmação da doença. Foram liberados R$ 45 milhões para compra de insumos hospitalares e tratamento de pacientes. O Governo do Estado também vai expandir os leitos de retaguarda e de UTI em Fortaleza e no interior.

Isolamento

O Ministério da Saúde recomentou que os viajantes que voltam do exterior, para o Brasil, devem ficar em isolamento domiciliar, mesmo que estejam sem sintoma. O órgão afirmou que as pessoas devem passar 7 dias em casa, caso estejam sem sintomas.  Se, durante a isolação, esses viajantes sintam falta de ar ou febre com tosse, devem procurar uma unidade de saúde. As pessoas com sintomas devem ficar isoladas durante 14 dias.

UFC suspende eventos

A Universidade Federal do Ceará (UFC) decidiu, em reunião do Comitê de Gerenciamento de Crise sobre o Novo Coronavírus, algumas ações a serem tomadas visando prevenir a transmissão do novo coronavírus (Covid-19), entre elas suspender todas as atividades que reúnam mais de 100 pessoas. A universidade também estuda ter aulas remotas.


Mario Mesquita

Comércio exterior do Nordeste

Mario Mesquita
26 de Maio de 2022