CNH 2022: conheça as novas classificações disponíveis para os condutores

Agora, as categorias terão um total de 14 combinações junto às letras atuais (A, B, C e D) e o número 1

Escrito por Redação,

Negócios
CNH
Legenda: A partir de junho teremos uma nova Carteira Nacional de Habilitação (CNH)
Foto: Shutterstock

Com a reformulação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), ainda em 2021, o documento passa a ter novas classificações que estarão impressas no documento.

Agora, as categorias terão um total de 14 combinações junto às letras atuais (A, B, C e D) e o número 1. Desta forma, teremos novos códigos aplicados para cada tipo de habilitação, por exemplo, A1, B1, C1E, D1E.

Por exemplo, a categoria A1, ainda será referente as motos, mas haverá diferença quanto ao desenho para motos maiores. Sendo assim, futuramente teremos uma habilitação específica para o porte maior de motos por tamanho ou cilindrada.

Os detalhes ainda serão especificados pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). 

Quando começam as mudanças?

A nova CNH deve começar a valer a partir de junho, sendo implementada de maneira progressiva. Vale lembrar que quem possui a carteira de habilitação atual não precisará renovar ou trocar o documento.

Mudanças estéticas no documento

Predominantemente nas cores verde e amarelo, a nova CNH contará com uma tabela para identificar os tipos de veículos que o motorista está apto a conduzir. O documento poderá ser expedido em meios físico, digital ou ambos. 

A troca imediata para o novo modelo não será obrigatória. A partir de junho, o documento será emitido para quem precisar de segunda via, aos recém-habilitados e para quem renovar a CNH. 

Documento
Legenda: O modelo é predominantemente nas cores verde e amarelo
Foto: Reprodução

O documento também terá a inclusão da letra “P” para indicar que o condutor tem permissão para dirigir, ou “D” para apontar que o motorista tem CNH definitiva.

Também será exibido se o condutor utiliza a CNH para o exercício de atividade remunerada e terá um campo para constar as restrições médicas.


Mario Mesquita

Comércio exterior do Nordeste

Mario Mesquita
26 de Maio de 2022