Ator Milton Gonçalves morre aos 88 anos no Rio de Janeiro

Ele faleceu na própria casa nesta segunda-feira

Escrito por Redação,

Zoeira
Milton gonçalves
Legenda: Ator morreu em casa
Foto: Divulgação/TV Globo

O ator Milton Gonçalves, 88, morreu nesta segunda-feira (30), por consequências de um AVC sofrido em 2020, o que acarretou diversos problemas de saúde. Ele faleceu por volta das 12h30 na própria casa. 

Milton ficou três meses internado e precisou de aparelhos para respirar quando teve o AVC. As informações são do G1.

Gonçalves apareceu na televisão pela última vez em "Malhação: Toda Forma de Amar", em 2019. Em 2018, atuou na novela global "O Tempo Não Para".

Trajetória de Milton Gonçalves

Na TV Globo, foram mais de 40 novelas e até trabalhos de direção como as primeiras versões de "Irmãos Coragem" (1970) e "A Grande Família" (1972).

O carioca iniciou a carreira artística em 1957, no Teatro, de acordo com a Memória Globo. Ele iniciou a carreira artística em 1957. Ele foi parte do primeiro elenco oficial de atores da Globo junto a Célia Biar e Milton Carneiro. 

"Não tinha inaugurado nada ainda. Os três estúdios e o auditório pareciam para mim os estúdios da Universal. O primeiro salário foi 500 cruzeiros. E eu fiquei feliz", relembrou Milton em entrevista.

Milton ficou marcado na história da teledramaturgia pelos seus papéis como Professor Leão em "Vila Sésamo" (1972),  Zelão das Asas de "O Bem-Amado" (1973), Dr. Percival em "Pecado Capital" (1975), entre outros.