Cearense Vanessa Passos vence o 6º prêmio Kindle de Literatura

Escritora participou da honraria nacional com o romance “A Filha Primitiva”

Legenda: Vanessa Passos concorre à honraria com o romance de estreia, “A Filha Primitiva”, livro sobre a história de uma geração de mulheres
Foto: Divulgação

A cearense Vanessa Passos venceu a sexta edição do prêmio Kindle de Literatura. O anúncio da premiação aconteceu durante cerimônia virtual transmitida na tarde dessa terça-feira (15). A autora foi agraciada nacionalmente pelo romance “A Filha Primitiva”.

O livro conta a história de toda uma geração de mulheres. Unidas pelo abandono e pela dor, avó, mãe e filha estão no foco dessa narrativa repleta de segredos. Após o anúncio, a escritora fez uma breve avaliação da conquista. "4 anos de escrita, 11 versões, um flash na minha cabeça. A primeira cearense a vencer o prêmio, nordestina".

Além da visibilidade, a realizadora sera contemplada com R$50 mil, incluindo o adiantamento de direitos autorais pelo contrato de publicação da versão impressa do livro pelo Grupo Editorial Record.

Disputa nacional

Os finalistas foram escolhidos dentre as mais de 2.400 obras inéditas inscritas nesta edição. Para concorrer ao prêmio, foram avaliados a criatividade, originalidade, qualidade de escrita e viabilidade comercial. 

Vanessa concorria com a baiana Juciane Reis (autora de “Xirê das Águas”) e os os pernambucanos José Manoel Torres (com “Ciudad Augusta: Uma distopia latino-americana”) e Eduardo Soares (por “A Jurema: Sob o Céu do Sertão”). Natural do Espírito Santo, a escritora Jeovanna Vieira disputava com a obra “Virgínia Mordida”.

O júri foi composto por Sueli Carneiro, filósofa, escritora e ativista antirracismo do movimento social negro brasileiro; Socorro Acioli, jornalista e escritora brasileira, colunista do Diário do Nordeste; e João Paulo Cuenca, escritor, cineasta e finalista do prêmio Jabuti.

 

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?

Assuntos Relacionados