Supermercados Maxxi no Ceará vão virar Atacadão, anuncia Carrefour

Com a conversão, serão 11 lojas do atacarejo no Estado

Escrito por Bruna Damasceno, bruna.damasceno@svm.com

Negócios
Fachada do Big Bom preço
Legenda: Iniciada em março deste ano, a negociação é considerada a maior da história do varejo nacional
Foto: Divulgação

As lojas da rede de atacarejo Maxxi serão convertidas em Atacadão. No Ceará, há três unidades, em Fortaleza, Juazeiro do Norte e Maracanaú. A alteração dos formatos não exigirá desmobolização das estruturas, mas a mudança das bandeiras ocasionará o fechamento dos supermercados por três dias.

A previsão é que o processo seja finalizado até janeiro de 2023, mas não há detalhes sobre o início das conversões no Estado. Os executivos do Atacadão, afiliado brasileiro da companhia Carrefour, reuniram-se com investidores, nesta segunda-feira (13), para definir o futuro das lojas adquiridas do grupo BIG Brasil (ex-Walmart Brasil) no País.

No Ceará, a multinacional francesa terá o acréscimo de sete unidades do Maxxi e do Big Bompreço, totalizando 19 negócios. As informações sobre as lojas do Bompreço, contudo, ainda não foram divulgadas. 

Serão convertidas 124 lojas em todo o Brasil, totalizando investimento de R$ 2,1 bilhões. Destas, 70 virarão Atacadão, 47 Carrefour e sete serão Sam's Club. 

Durante encontro com o mercado, o diretor financeiro do Carrefour, David Murciano, destacou que o “o varejo é dinâmico e o consumidor muda os hábitos de consumo”.

Veja como ficarão as unidades do Big no Ceará:

  • Maxxi: as 3 unidades (Fortaleza, Juazeiro do Norte e Maracanaú) virarão Atacadão;
  • Big Bompreço (4 unidades em Fortaleza e 1 em Juazeiro do Norte): poderão ser convertidas para Carrefour, Atacadão ou Sam's Club, mas ainda não há definição sobre as unidades do Ceará.

Além disso, o Carrefour já possui as seguintes unidades:

  • Carrefour: 2 (Fortaleza);
  • Sam's Club: 1 (Fortaleza);
  • Atacadão: 8 (Fortaleza e interior).

A compra do grupo BIG Brasil (ex-Walmart Brasil) foi finalizada na última segunda (6), conforme comunicado em fato relevante ao mercado no dia seguinte (7/06). A negociação, de R$ 7,5 bilhões, iniciou em março deste ano, sendo a maior da história do varejo nacional.

O Carrefour adquiriu 70% do capital social do BIG e o restante das ações também foi incorporado à companhia, detendo totalidade do grupo. 

Além de expandir o 'atacarejo', a companhia passará a atuar em um novo segmento de mercado com o formato Sam’s Club.

Assuntos Relacionados