Beagle: saiba tudo sobre a raça

Cachorro ativo e muito alegre surgiu no século XIX e era usado como cão de caça

Cachorro beagle em área de vegetação
Legenda: O beagle foi originado no Reino Unido e data do século XIX
Foto: Shutterstock

Você provavelmente já viu um beagle na vida. É só lembrar do Snoopy, famoso cachorro do desenho animado de Charlie Brown. Os cães dessa raça são conhecidos por serem muito agitados, dóceis, felizes e de fácil adaptação.

Criado originalmente para ser um cão de caça e com origem na Inglaterra remontando ao século XIX, atualmente os amiguinhos peludos são encontrados em todos os tipos de lares e são ótimos para companhia 

O American Kennel Club (AKC), um dos maiores órgãos de registros de cães de raça pura no mundo, ainda define o beagle como um cachorro curioso e pontua que eles são ótimos com crianças. Ele foi registrado como raça oficialmente pelo AKC pela primeira vez em 1885.  

Para saber tudo sobre os beagles, o Diário do Nordeste consultou a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) e conversou com o médico veterinário Herlon Rodrigues*.

Origem do beagle

Segundo a CBKC, responsável por organizar e regulamentar criação e registro de cães, assim como promover competições, o beagle teria sido originado na Inglaterra a partir da raça Foxhound e inicialmente tinha a função de caçar.  

A raça inclusive foi amplamente criada em reinados como os do rei Henrique VIII e da rainha Elizabeth I.

beagle correndo em floresta
Legenda: Cachorro originalmente era utilizado na função de caça
Foto: Shutterstock

A entidade aponta a curiosidade de que alguns cães da época eram tão pequenos que cabiam em bolsos de casacos de caça. Eram os chamados "beagles de bolso". 

Características

Herlon Rodrigues, médico veterinário formado pela Universidade Estadual do Ceará (Uece) e especialista em reprodução de cães e gatos, aponta que o beagle é uma raça muito agitada e alegre.

Os animais dessa raça pertencem ao chamado Grupo 6 de raças definidas pela Federação Cinológica Internacional (FCI). Eles são classificados como "sabujos farejadores".

As características físicas fazem dele uma raça bem distinta. Com pelo curto e denso, orelhas longas e arrendondas na extremidade, eles têm uma aparência bem robusta. 

Considerado um cachorro de pequeno e médio porte segundo a CBSK, o animal mede entre 33cm e 40 centímetros de altura, podendo pesar entre 9 kg e 11 kg. 

Tamanho mini ou médio? 

Conforme Rodrigues, não existe "beagle mini" e nem "beagle médio". O padrão para a raça é único. Diferenças mais marcantes nos tamanhos indicam raças diferentes. 

Beagle x Beagle Harrier

Há, por exemplo, um cão chamado beagle harrier. Os atributos físicos podem ser bem parecidos com o beagle tradicional, mas a altura é geralmente o dobro, como explica o veterinário Herlon Rodrigues.

Comportamento 

O adjetivo mais associado à raça é, com certeza, alegre. A seguir, alguns aspectos do comportamento do cachorro, listados pela CBSK:

  • É um cão alegre
  • Corajoso,
  • Com grande atividade, vigor e determinação.
  • Alerta e inteligente
  • Temperamento equilibrado.
  • Amável e vigilante,
  • Não demonstra nem agressividade, nem timidez

Beagle correndo na grama
Legenda: Os beagles são cachorros muito ativos
Foto: Shutterstock

Cores

O beagle vem nas cores preta, marrom e branca. Eles possuem uma série de combinações de manchas de cor avermelhada e marrom. A cauda sempre tem a extremidade branca.

Inteligência

Um estudo conduzido por Stanley Coren especialista em comportamento animal da Universidade da Columbia Britânica resultou no chamado ranking de inteligência de cães.

O cachorro da raça está entre as posições 70 e 79. Isto significa que ele, de acordo com o estudo, precisa entre 80 e 100 repetições para atender comandos. Publicação ainda destaca a "tendência à dispersão".

No entanto, a lista não deve servir de base para julgar a escolha de um animal. Conforme o médico veterinário Herlon Rodrigues, o beagle consegue aprender uma série de truques. 

Dois beagles em cima de uma pedra em uma floresta
Legenda: A raça é considerada muito atenta e vigilante, além de dócil
Foto: Shutterstock

Além disso, eles são ótimos farejadores, podendo exercer até funções dos cães que são integrantes das forças policiais. 

Solta muito pelo? 

Cachorros de pelagem curta tendem a soltar muitos pelos, o que é o caso do beagle. No entanto, Rodrigues pontua que esse fator depende de outros, como o clima, a época do ano e ainda do sexo.

Fêmeas acabam soltando mais pelos, especialmente quando entram no cio, pois o estrógeno fragiliza o pelo.

Como treinar e criar?

O ideal é começar a treinar o animal por volta de seis meses de vida. Como são uma raça "elétrica e ativa", é indicado que eles sejam adestrados, segundo Herlon Rodrigues. 

É possível realizar o treinamento sem adestradores, mas o criador tem de estar disposto e ter condicionamento físico fazer atividades físicas com o cão. 

Criar a raça é uma tarefa tranquila, conforme o veterinário e especialista em reprodução animal. Quanto à reprodução, eles costumam ser bem férteis. 

Expectativa de vida do beagle 

Segundo o AKC, os beagles tem expectativa de vida entre 10 e 15 anos. O veterinário Herlon Fernandes pontua que a estimativa para a raça é baseada mais no porte. 

Cachorros menores tendem a viver mais do que os maiores, conforme explica o especialista em reprodução de animais. 

Quanto custa?

O preço varia bastante, de acordo com Herlon Rodrigues. No entanto, alguns fatores impactam no valor como a procedência, a linhagem de pais e mães e também o pedigree. 

Segundo o veterinário, a média de preço de beagles é R$ 1.500.

*Herlon Rodrigues é graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), mestre e doutor em Ciências Veterinárias pelo PPGCV/UECE. Desenvolveu doutorado-sanduíche no National Zoological Park do Smithsonian em Washington DC - EUA. É especialista em reprodução animal e comanda o HR Reprodução de Cães e Gatos em Fortaleza.


Assuntos Relacionados