Parte da equipe de filme com Alec Baldwin teria pedido demissão antes de morte de diretora

Segundo informações da imprensa norte-americana, equipe teria reclamado das condições de trabalho no set de filmagens

Escrito por Redação,

Zoeira
Halyna Hutchins faleceu após tiro disparado acidentalmente pelo ator Alec Baldwin durante ensaio de cena
Legenda: Halyna Hutchins faleceu após tiro disparado acidentalmente pelo ator Alec Baldwin durante ensaio de cena

Investigações preliminares sobre o caso envolvendo o disparo acidental feito pelo ator Alec Baldwin no set do longa 'Rust' apontam uma possível falha no protocolo de segurança das filmagens. Horas antes da morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins, a equipe técnica chegou a pedir demissão após reclamações sobre as condições de trabalho, segundo informações da imprensa norte-americana.

As filmagens estavam sendo realizadas em um rancho na cidade de Novo México, cerca de 80 km do local onde a equipe técnica estava hospedada. Por conta disso, eles teriam reclamado do desgaste de percorrer esta distância diariamente, de atrasos no pagamento e das longas horas de trabalho diante das câmeras. As demissões teriam ocorrido na quinta (21), mesma data da morte da diretora.

Conforme informações do jornal Los Angeles Times, diversas mensagens teriam sido enviadas por um operador de câmera ao gerente de produção. No conteúdo, ele teria alertado sobre disparos acidentais que já haviam ocorrido anteriormente.

Apesar disso, segundo a produtora do filme, que lançou comunicado à imprensa, a segurança do elenco e da equipe é a prioridade da empresa. Um mandado da Justiça, que já foi concedido, deve resultar no recolhimento de vídeos, fotos, roupas, armas e outras evidências para esclarecer as circunstâncias do disparo.

Armas separadas

Segundo testemunhas já ouvidas pela polícia, três armas separadas haviam sido dispostas no set de filmagem. O assistente de direção escolheu uma e entregou ao ator Alec Baldwin durante o ensaio de uma cena. Assim como determinado no protocolo, o assistente de direção afirmou, na hora, que ela não tinha munição. Dessa forma, o artista tirou a arma do coldre uma vez, sem problemas, mas na segunda vez o tiro foi disparado.

A mesma bala teria atingido primeiro a diretora de fotografia Halyna Hutchins, no peito, e, depois, o diretor Joel Souza, no ombro. Em uma gravação de áudio, também obtida pelas investigações, a supervisora de roteiro Naomi Mitchell liga para o serviço de socorro informando que duas pessoas foram baleadas acidentalmente.

Até o momento, ninguém foi indiciado por conta do caso, e as investigações devem apontar como o disparo ocorreu.

Entenda o caso



A arma cenográfica que matou Halyna Hutchins e deixou Joel Souza ferido durante as gravações, no Novo México, nos Estados Unidos, foi disparada por Baldwin na última quinta-feira (21). A informação foi confirmada pelo gabinete do xerife do condado de Santa Fé.

Fotos tiradas no local do acidente flagraram a reação do ator ao saber que a colega veio a óbito.