Cristina Mortágua desabafa após ser criticada por pedir ajuda para pagar tratamento

"Me mandaram procurar o SUS", disse a apresentadora, que sofre de transtorno depressivo

Escrito por Redação,

Zoeira
Cristina Mortágua
Legenda: Ela apagou a postagem após ser atacada pelos internautas
Foto: reprodução/Instagram

A apresentadora Cristina Mortágua desabafou, nesta terça-feira (14), após ser criticada ao pedir ajuda financeira nas redes sociais para custear o tratamento para transtorno depressivo e sintomas da menopausa. 

Ao sentir um mal-estar na madrugada de domingo (12), ela procurou uma unidade de saúde, onde os médicos solicitaram uma série de exames. Sem dinheiro para custear os procedimentos, Cristina decidiu pedir ajuda financeira aos seguidores, na segunda-feira (13), mas ao ser atacada decidiu apagar a postagem. 

"Estou sem dinheiro e cheguei a pedir ajuda porque é um caso de doença. Me mandaram procurar o SUS e eu apaguei os posts. Vou sobreviver a dor do jeito que Deus quiser. Tem gente que só dá valor ao dinheiro ou depois que a pessoa morre", disse em entrevista ao jornal O Dia. 

Na segunda-feira, em um vídeo publicado nas redes sociais, ela revelou que vendeu todos os pertences e está morando de favor em um imóvel da mãe, que diz que "está perdendo dinheiro" ao deixá-la ficar em uma das suas residências. 

"O que eu tinha de valor, minhas bolsas de grife, vendi todas… Me ajudou a comprar remédios. Mas as contas não param de chegar… a medicação, a fisioterapia, drenagem linfática por conta de um problema na perna, e tudo isso custa dinheiro. Eu não tenho vergonha de pedir ajuda”, declarou na publicação.

Na entrevista ao jornal, Cristina relatou que os médicos indicaram que ficasse em repouso absoluto por uma semana, período em deve aproveitar para concluir o livro que pretende lançar. 

"Vou falar sobre relacionamentos tóxicos e abusivos. Eu acabei de publicar nas minhas redes sociais um conto verídico, que está nessa publicação. Conto sobre uma relação que tive com um homem na época que o meu filho, Alexandre, tinha seis anos e isso foi no início dos anos 2000. Hoje, esse rapaz é político e prega a moral e os bons costumes. Ah... e ainda usa a religião para se promover", adianta Cristina.

Tratamento

No vídeo publicado nas redes sociais, em que pediu ajuda, a apresentadora relatou que a depressão a "prostrou" e ficou assustada quando passou mal durante madrugada de domingo. "Acordei com a cama com fezes. Tentei ter um dia normal, mas tive muita vertigem, cansaço e tontura", disse. 

apresentadora Cristina Mortágua
Legenda: A apresentadora usou as redes sociais para pedir ajuda financeira na segunda-feira
Foto: reprodução/instagram

"Fui para o pronto-socorro, passei pela médica… ela ficou assustada quando mostrei as fotos das fezes na minha cama, que saíram sem eu sentir. A médica olhou os exames e disse que estavam todos normais […] ela me passou alguns remédios e me encaminhou para um psicólogo para tratar um transtorno depressivo. Eu já sabia que eu já estava, mas vem aumentando. Quando você tem depressão e não tem com quem contar, é muito difícil”, revelou. 

Os sintomas da menopausa também são agravantes no quadro de saúde e ela disse não ter dinheiro para custear o tratamento para aliviar os sinais da condição, que seria o implante de um "chip da beleza".

“Esse chip não foi feito para beleza, foi feito para quem tem problema de hormônio. Como eu sempre usei esse chip, e estou sem há dois anos, o meu corpo está sentindo. É um procedimento caro que eu não tenho como comprar. Custa 800 reais cada tubete. Cada tubete equivale a 10 quilos. Eu preciso de 8 tubetes, dá R$ 6.400". 

Assuntos Relacionados