Onze cearenses são selecionados em edital nacional de artes visuais 

Os contemplados no "Arte como respiro: múltiplos editais de emergência", do Itaú Cultural, foram publicados no site da instituição nesta quarta (20)

Onze cearenses são selecionados no edital nacional de artes visuais do Itaú Cultural: Arte como respiro: múltiplos editais de emergência.

Os 200 trabalhos selecionados nas categorias de Produção Artes Visuais e Série Fotográfica, dentro da série dedicada a apoiar artistas durante o período de suspensão social, podem ser conferidos a partir desta quarta-feira (20), no site da Instituição (www.itaucultural.org.br)

Na categoria Produção Artes Visuais estão obras realizadas na linguagem audiovisual, performances ou videoarte e trabalhos executados em outros segmentos, a exemplo de pintura, gravura, escultura, desenho, colagem. Dos selecionados nesses segmentos estão os cearenses: Alysson Lemos Campos (Vídeo), Cleonisia Alves Rodrigues do Vale (Arte Têxtil), Diego de Sousa Santos (Instalação), Francisco Ferreira De Freitas Filho (Vídeo), Maria Claudineide Alves Macêdo (Vídeo), Sérgio Morais Pinheiro Gurgel (Pintura) e Valentino Kmentt (Vídeo). 

Série Fotográfica

Para Série Fotográfica foram inscritos conjuntos fotográficos produzidos neste período refletindo a visão dos artistas sobre o isolamento social, a partir de sua experiência subjetiva vivida atualmente e de autoria individual. Nessa categoria, os cearenses contemplados foram: Ed Ney Borges Dias, Renata Aparecida Felinto dos Santos, Thaís de Campos Alberto Silva e Valdir Machado Neto.

Os trabalhos selecionados em ambas as categorias receberão valor bruto de R$ 3 mil reais, cada um como remuneração pelo licenciamento dos direitos autorais da obra. Eles serão apresentados ao público de acordo com a agenda organizada pela equipe de artes visuais do Itaú Cultural dentro do prazo de até seis meses, podendo ser alterado diante do quadro social referente à pandemia ou de necessidades da própria organização. Fica a critério da instituição se a exibição será realizada em sua grade de programação virtual ou em outros canais de exibição.

Arte como respiro

Em conexão com o amplo movimento espontâneo de criação online no meio artístico, neste momento, Arte como respiro: múltiplos editais de emergência tem a proposta de acolher e apoiar os artistas sujeitos a atuar isoladamente durante o período de suspensão social em decorrência da pandemia do COVID-19. Foi iniciado nos primeiros dias de abril com o fomento para artes cênicas, seguido de música, artes visuais, literatura e poesia surda – os dois últimos, atualmente em processo de seleção dos inscritos. A organização prevê, ainda, contemplar outras áreas de expressão artística, que estão sendo definidas.

A lista dos selecionados e demais informações sobre o edital podem ser conferidasno site do Itaú Cultural: www.itaucultural.org.br

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?