Após jantar desastroso na TV, Nicole França desabafa na web: "linchamento moral"

"Ninguém sabe da realidade do outro, do relacionamento do outro e da reação do outro quando é submetido à situação que já explicitaram que não gostam", escreveu.

Legenda: Nicole França durante jantar no Mais Você

Após reagir de forma controversa ao ser surpreendida pelo namorado no programa Mais Você, na última quarta-feira (12), Nicole França desabafou nas redes sociais e pediu que as pessoas se colocassem em seu lugar. "Você já se imaginou sendo exposto de alguma forma como você não gostaria? Já pensou como se sentiria se te pegassem de surpresa no final de uma semana ruim e cansativa, com fome, sono, muitas responsabilidades, pendências e te usassem de forma que você não esperava?", questionou Nicole.

  

Grande parte dos internautas desaprovou o comportamento de Nicole durante o quadro da atração, exibido no Dia dos Namorados. Ela se mostrou desconfortável com o jantar romântico organizado de surpresa pela produção do programa e por seu namorado. “Que bom que você está feliz. Mas eu só topei mesmo por consideração porque senão ia ficar muito feio pra você, né amor?!”, chegou a dizer a moça, no encontro.

Nicole também rebateu ofensas. "Ninguém sabe da realidade do outro, do relacionamento do outro e da reação do outro quando é submetido à situação que já explicitaram que não gostam. Todos nós gostaríamos que nossas vidas fossem perfeitas como pregam nas redes sociais, ainda mais numa data chamada Dia dos Namorados, onde o propósito maior é o amor. Mas a vida é imperfeita, assim como os amores fora das novelas. Pessoas são apenas pessoas, com qualidade e defeitos. É espantoso, na era da empatia e da sororidade, que se julguem pessoas sobre quem nada sabemos baseados em um vídeo de 10 minutos e que essas pessoas sejam submetidas a linchamento moral apenas pela vontade alheia de destilar o ódio gratuito e causar sofrimento", desabafou. 

Legenda: Casal discutiu durante o encontro romântico

Leia o post completo: 

"Estamos na era das fake news, das mídias, onde as pessoas de senso crítico tentam filtrar notícias antes de acreditar em tudo o que se vê… a maioria de nós já assistiu as mídias deturpando vidas de pessoas públicas e artistas. Nos últimos tempos, temos acompanhado muitas pessoas destilando ódio gratuito por causa de temas variados.

Estamos na era de uma suposta empatia/sororidade nas redes sociais, onde assistimos muitos debates sobre femininismo, questões de gênero e apelo sobre igualdade de todos os tipos etc. São temas que possuem muito valor e devem ser respeitados.

Mas você — pessoa não pública — já se imaginou sendo exposto de alguma forma como você não gostaria? Já pensou em como se sentiria se te pegassem de surpresa no final de uma semana ruim/cansativa, com fome, sono, muitas responsabilidades/pendências e te usassem de forma que você não esperava? Você já confiou no profissionalismo de alguém? Já pensou que as pessoas têm boletos e responsabilidades? Já pensou que palavras magoam, que as pessoas têm senso crítico e que nem todo julgamento é necessário quando não agrega? Que nem tudo que se vê é verdade? Que as pessoas comuns têm relacionamentos comuns com problemas que só dizem respeito a elas?

Ninguém sabe da realidade do outro, do relacionamento do outro e da reação do outro quando é submetido a situações que já explicitaram que não gostam.

Todos nós gostaríamos que nossas vidas fossem perfeitas como pregam nas redes sociais, ainda mais numa data chamada dia dos namorados, onde o propósito maior é o amor. Mas a vida é imperfeita, assim como os amores fora das novelas.

Pessoas são apenas pessoas, com qualidades e defeitos. É espantoso, na era da empatia e da sororidade, que se julgue pessoas sobre quem nada sabemos baseados em um vídeo de 10 minutos e que essas pessoas sejam submetidas a linchamento moral apenas pela vontade alheia de destilar ódio gratuito e causar sofrimento”.


Categorias Relacionadas