Petroleiros organizam paralisação contra governo Temer

De acordo com a FUP, as representações sindicais petroleiras alertaram para o risco de perda de direitos e retrocesso da categoria

Escrito por Redação Diário do Nordeste,

Negócios

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) decidiu paralisar as atividades em protesto contra o governo do presidente interino Michel Temer por 24 horas. A federação cobre as principais unidades operacionais da Petrobras.

De acordo com a FUP, as representações sindicais petroleiras alertaram para o risco de perda de direitos e retrocesso da categoria. Ainda segundo eles, com a nomeação de Pedro Parente para a presidência da Petrobras, a agenda de desmonte de direitos e de privatização será retomada.