Covid-19: Petrobras faz testes rápidos em trabalhadores no Ceará

No início de maio, a estatal paralisou a produção em duas plataformas de petróleo no Ceará após registrar a contaminação por coronavírus em 42 funcionários

Legenda: As refinarias, térmicas e unidades de tratamento de gás da companhia em todo o País começaram a ser atendidas
Foto: FOTO: JUAREZ CAVALCANTI

A Petrobras está realizando testes rápidos na Refinaria Lubrificantes e Derivados do Nordeste (Lubnor), localizada em Fortaleza. As equipes serão testadas gradualmente conforme disponibilidade dos testes, priorizando os profissionais da área de saúde. A companhia já utilizava testes rápidos antes do embarque para plataformas.

Ao todo, já foram realizados mais de 12 mil testes para Covid-19 entre empregados, colaboradores de empresas prestadoras de serviços e contactantes de casos suspeitos. 

No início de maio, a estatal paralisou a produção em duas plataformas de petróleo no Ceará após registrar a contaminação por coronavírus em 42 dos 45 trabalhadores na PXA-1, no campo de Xaréu. Todos os funcionários foram desembarcados e seguiram para o isolamento, com acompanhamento da equipe médica da Petrobras. 

As refinarias, térmicas e unidades de tratamento de gás da companhia em todo o País começaram a ser atendidas por meio de contratos com laboratórios ou kits de testes rápidos adquiridos pela Petrobras. 

Como funcionam os testes rápidos? 

O exame é feito por meio da coleta de uma gota de sangue na ponta do dedo e apresenta resultado em até 30 minutos. O teste rápido identifica dois tipos de anticorpos que se desenvolvem no organismo para o combate ao vírus, as imunoglobulinas IgM e IgG.

O primeiro a se formar é o IgM, que indica que a pessoa pode estar com uma infecção ativa ou ter tido uma infecção recentemente, por isso ela pode estar transmitindo o vírus e deverá ser mantida em isolamento.

Na sequência, forma-se o IgG, que indica que o vírus foi combatido pela defesa natural do organismo e que a pessoa está desenvolvendo imunidade à doença, caso em que será autorizado o retorno ao trabalho.