Ceará negocia volta de voos aos EUA e quer retomar operações da KLM e Air Europa até o fim do ano

Secretário do Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, enfatiza que o restabelecimento das frequências só será possível com a liberação dos brasileiros nos países em questão, o que deve ocorrer com o avanço da imunização

Legenda: Combinadas, Air France e KLM chegavam a ter voos diários entre Fortaleza e Paris. A expectativa é que a operação com a KLM seja retomada até o fim do ano, enquanto a Air France prevê voltar com os voos em junho
Foto: Kléber A. Gonçalves

Além da previsão de retomada em junho dos voos diretos entre Fortaleza e Paris (França), na França, pela Air France, o governo cearense também busca reestabelecer as frequências operadas pela KLM (à Amsterdã, Holanda) e pela Air Europa (à Madri, Espanha) até o fim deste ano. Também está em andamento negociações para retomar voos aos Estados Unidos, a dois destinos não divulgados.

As informações foram reveladas pelo titular da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur-CE), Arialdo Pinho, durante o anúncio da ABAV Itinerante, grande feira de turismo que será realizada no Ceará em outubro em formato presencial e virtual.

De acordo com Arialdo, a expectativa é que as operações das companhias voltem ao patamar de 2019, anterior à pandemia, à medida que a imunização no Brasil vá evoluindo. O secretário enfatiza que a retomada depende da liberação para os brasileiros voltarem aos países europeus.

"Isso só irá acontecer se o Brasil estiver liberado para voar, se a vacinação estiver andando em um ritmo forte, então existem pré-condições", reforça Arialdo Pinho. "Avião é ida e volta", reforça.

Ele lembra que Air France e KLM, combinadas, faziam voos diários para a Europa. "Retomaremos primeiro a Air France, com três voos por semana", detalha Pinho.

Estados Unidos

Sobre as negociações para os voos entre Estados Unidos e Fortaleza, o titular da Setur-CE prefere não revelar os nomes das companhias. Antes da pandemia, o Aeroporto de Fortaleza mantinha operações da Gol e da Latam a Miami e Orlando.

"Eu não vou citar os nomes, mas estamos fechando esses voos e assim que o mercado abrir teríamos essas operações emissivas (de turistas brasileiros aos EUA). Todos os voos para os Estados Unidos são emissivos. Nós já vínhamos trabalhando nos destinos e esperamos bons resultados"
Arialdo Pinho
Secretário do Turismo do Estado do Ceará

Ele reforça que, no caso de voos entre Fortaleza e o continente europeu, as operações são mais receptivas e, por isso, de extrema importância para a retomada do turismo local.

"Com a demanda acontecendo e a visão sobre o Brasil melhorando, esses voos consequentemente vão voltar a ser o que eram", diz Arialdo Pinho. "Acredito que até dezembro estaremos liberados para voar. É o que eu sonho e todos do Turismo sonham com isso", destaca o titular da Setur-CE.

Voos retomados

Após o governo francês liberar a entrada de brasileiros no país europeu, a Air France retomou os voos diretos entre Brasil e França no fim de abril.

A Air France já havia confirmado que pretende retomar os voos de e para Fortaleza no mês de junho, mas reforçando que está atenta ao contexto da pandemia que a malha pode sofrer alterações em decorrência do coronavírus. Os voos da Air France entre Paris e Fortaleza estão suspensos desde outubro do ano passado.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre negócios


fachada da eletrobras
Diário do Nordeste e Thiago Resende e Washington Luiz/Folhapress 17 de Junho de 2021