Câmeras flagram suspeitos de furtar apartamento de Carlinhos Maia

Das 36 câmeras do edifício de luxo, apenas algumas conseguiram registrar a movimentação dos indivíduos

Escrito por Redação,

Zoeira
Montagem com trechos flagrados por câmeras de seguranças em que suspeitos de assaltar carlinhos maia aparecem
Legenda: No dia do crime, suspeitos usaram chapéu, máscara e luvas, além de pisar leve e andar em linha reta
Foto: reprodução/TV Globo

Câmeras de segurança flagraram dois suspeitos invadindo o prédio de luxo onde o influenciador digital Carlinhos Maia morava em Maceió, Alagoas. A ação, que aconteceu no dia 29 de maio, resultou no furto de cerca de R$ 5 milhões em objetos, entre eles um relógio avaliado em R$ 1 milhão e um colar de diamantes de R$ 1,5 milhão. 

Nas imagens, reveladas com exclusividade pelo Fantástico nesse domingo (5), é possível observar que a dupla entra na garagem do edifício, por volta da 1h16. Usando chapéu, máscara e luvas, os indivíduos pisam leve e andam em linha reta. Apenas o homem carrega uma mochila.

“Eles sabiam por onde transitavam dentro do empreendimento. Nós temos chamados pontos cegos. Alguns já existiam desde a sua concepção e outras que foram, provavelmente, maliciosamente criadas para facilitar a empreitada”, detalhou o delegado de polícia Lucimério Campos à TV Globo. 

Das 36 câmeras do edifício de luxo, apenas algumas conseguiram registrar a movimentação dos suspeitos. O principal equipamento do tipo, localizado no corredor que dá acesso ao apartamento de Carlinhos, foi desligado há pelo menso 15 dias antes do crime, período em que as imagens foram deletadas automaticamente do servidor, impossibilitando a identificação de quem desconectou o aparelho. 

Imagens de relógio e colar levados de apartamento de Carlinhos Maia
Legenda: Havia outros relógios valiosos no local, mas não foram levados
Foto: reprodução/TV Globo

Conforme o Fantástico, o porteiro do local só tinha acesso às imagens de 16 câmeras, as demais não eram canalizadas no monitor. No entanto, um alarme acionado por sensor de presença tocou no dia do crime. 

“O porteiro disse que — como outros casos de acionamento por animais ou até pela sensibilidade mesmo do dispositivo —, ele achou que era mais uma dessas situações e não se preocupou em olhar. Nós temos tido o cuidado de saber se isso é só uma falha humana e ou se é um envolvimento de pessoas ali que trabalhavam no edifício, pessoas ligadas ao Carlinhos Maia” disse o titular.

Hospedagem em hotel na vizinhança

Uma das hipóteses usadas pela Polícia é que os criminosos tenham se hospedado em um hotel que fica localizado ao lado do prédio do influenciador.

“A gente também trabalha com a possibilidade de eles estarem hospedados no hotel, o hotel que fica geminado ao empreendimento onde morava o influencer, e essas imagens estão sendo checadas”, detalhou o delegado. 

Devido o acionamento do alarme, uma equipe de segurança privada foi enviada ao prédio durante o crime, mas acabou sendo dispensada sob o argumento de que não havia nenhum problema no local. 

"Esse sensor de presença continuou desligado até o final do furto né? Então, certamente, a saída das pessoas, ela foi pelo mesmo local e sem o novo acionamento do sensor de presença”, relatou o advogado da Ritz Participações e Incorporação, Deivis Pinheiro.

Suspeitos eram de fora de Alagoas

Ao todo, a dupla permaneceu cerca de 2h30 no edifício. Imagens mostram que os armários do quarto foram revirados. Para a Polícia, os suspeitos são de fora de Alagoas e tinham um objetivo: o relógio de R$ 1 milhão e o colar com 36 diamantes, avaliado em R$ 1,5 milhão. O alvo era tão definido que havia outros relógios valiosos no local, mas não foram levados.

“Uma coisa é clara para nós: eles têm uma expertise e tem uma qualificação diferenciada para agir em crimes dessa natureza”, disse o delegado geral da Polícia Civil de Alagoas, Gustavo Xavier do Nascimento ao Fantástico.

Armário revirado após roubo em apartamento de carlinhos maia
Legenda: Ao todo, a dupla permaneceu cerca de 2h30 no edifício
Foto: reprodução/TV Globo

Não é marketing, diz influenciador

Carlinhos Maia e Lucas Guimarães
Legenda: Criminosos usaram disfarce para roubar casa de Carlinhos Maia
Foto: Reprodução Instagram

Carlinhos Maia afirmou ao programa que não se arrepende de mostrar parte da vida pessoal na internet, onde mantém mais de 25 milhões de seguidores somente no Instagram, mas confessou que acusação de que assalto ser uma jogada de marketing o incomoda. 

“Me arrepender de me expor tanto? Acho que não, porque foi essa exposição que me fez chegar aonde eu cheguei. Acho que fica a mensagem de se expor um pouco menos, sabe? O que mais dói é você ter que ler tantas e tantas vezes que isso é marketing”, disse. 

No dia do crime, o influenciador digital e o marido Lucas Guimarães não estavam em casa. Enquanto Carlinhos estava realizando uma cirurgia em Aracaju, o companheiro estava no México a trabalho. Ele conta que acabara de acordar da anestesia do procedimento estético quando soube do furto. 

"Fiquei um pouco em choque. Como assim? É a casa da gente, né?”, disse. 

Quer saber mais sobre cultura pop, filmes, séries e famosos num só canal? O Zoeira está no Telegram! Acesse o link: https://t.me/zoeira_dn