Por medo, mais da metade dos brasileiros optaram por poupança

Dos entrevistados, 28% optaram por guardar dinheiro em locais onde possam sacar com facilidade e outros 28% alegaram não ter reservas suficientes para investir em aplicações mais arrojadas